Comunicado importante vindo do próprio Paypal: economizar IOF utilizando o Paypal não procede

30 Flares Twitter 4 Facebook 23 Google+ 3 Filament.io Made with Flare More Info'> 30 Flares ×

Semana passada, publicamos um artigo: Dica para não pagar os 6,38% de IOF sobre compras internacionais na Internet com cartão de crédito: Paypal, onde demos uma dica sobre como economizar com o tributo IOF.

Entretanto, recebi um email de uma funcionária do próprio Paypal alertando que essa possibilidade não existe, pois o IOF seria cobrado quando houver o fechamento da fatura. Dada a relevância do tema, e com a devida autorização do Paypal, reproduzo o conteúdo da mensagem recebida:

“Oi Guilherme,

Infelizmente sua dica para economizar IOF com PayPal não procede, pois compras internacionais em Reais também estão sujeitas ao IOF. Todas as compras internacionais pagas com cartão de crédito internacional, com ou sem a PayPal, estão sujeitas ao IOF, independentemente da moeda utilizada / escolhida pelo comprador.

O decreto que trata do IOF estabelece que a alíquota de 6,38% é devida “nas operações de câmbio destinadas ao cumprimento de obrigações de administradoras de cartão de crédito ou de bancos comerciais ou múltiplos na qualidade de emissores de cartão de crédito decorrentes de aquisição de bens e serviços do exterior efetuada por seus usuários”. Sempre que um portador de cartão de crédito compra um bem ou serviço no exterior, o banco emissor do cartão tem que efetuar um câmbio para honrar esta obrigação contraída pelo usuário. Este câmbio está sujeito ao IOF, o qual é repassado ao portador pelo banco.

Assim, mesmo que você ou seus leitores escolham pagar por uma compra internacional em Real, fixando o câmbio na data da compra ao invés de correr o risco de variação cambial, o IOF será devido e será cobrado quando a fatura for fechada. Geralmente as faturas parciais de cartão não mostram o IOF devido – ele só é calculado e aparece quando a fatura é fechada.

Note que esta situação pode ocorrer tanto em compras virtuais, como em compras presenciais. Na Europa é bastante comum que as lojas ofereçam a possibilidade de pagar suas compras na moeda do país em que o seu cartão de crédito internacional foi emitido – no nosso caso em Real. Mas depois o IOF é cobrado como explicado acima.

Espero ter esclarecido a questão até para poder evitar questionamentos futuros”.

Obrigado ao Paypal pelos esclarecimentos!

É isso aí!

Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

p.s.: pessoal, devido à falta de tempo, não estou conseguindo responder os comentários nem postar no blog ou no Twitter. Espero fazer todas as atualizações até sexta! :)

190 Responses to Comunicado importante vindo do próprio Paypal: economizar IOF utilizando o Paypal não procede

  1. Fernando N 16 de maio de 2011 at 10:24 #

    Olá Guilherme.

    Infelizmente, tenho a impressão de que há um erro de interpretação da funcionária do Paypal. Como consta na própria lei: “nas operações de câmbio destinadas ao cumprimento de obrigações de administradoras de cartão de crédito ou de bancos comerciais ou múltiplos na qualidade de emissores de cartão de crédito decorrentes de aquisição de bens e serviços do exterior efetuada por seus usuários”, o imposto incide somente nas OPERAÇÕES DE CÂMBIO.
    Em nenhuma das minhas compras no exterior (cartão Ourocard International) cuja conversão foi feita pelo PayPal houve incidência de IOF, já que não houve operação de câmbio. Mesmo nos meses em que todas as minhas compras no exterior foram pagas através do PayPal, só haviam lançamentos no mesmo valor (em reais) que o exibido no registro da operação do PayPal. Não houve cobrança de nem um único centavo a mais.
    Entretanto, vale ressaltar que o banco Itaú cobra IOF (indevidamente) sobre pagamentos feitos através Paypal em reais. Pois o banco faz a conversão de reais para dólares e, novamente, para reais, de modo que acaba havendo a incidência de IOF sobre essa última conversão.
    De qualquer modo, a conversão do BB nunca foi mais vantajosa do que a do PayPal após o início da incidência do IOF sobre compras no exterior, devido à cotação do dólar (próxima ao dólar turismo) e aos 2,5% de tarifa sobre compras no exterior (onde estava incluso o IOF) cobrados pelo banco.
    Gosto muito dos seus textos, mas ainda não havia comentado aqui.
    Abraço!

    • Izac Patrocinio 19 de setembro de 2014 at 18:22 #

      Boa noite!

      Sou cliente banco do Brasil, possou cartão ourocard visa internacional, e realizei 3 compras no site ebay, pagando através do paypal, e ao consultar minha fatura, verifiquei que foram cobrados IOF de 6,38% em todas elas,
      O PAypal lança os valores normais, mas, o banco do Brasil cobra o IOF.

      28/08 PAYPAL *HAIDY168X9 4029357733 110,88
      01/09 IOF – COMPRA NO EXTERIOR 7,07

      28/08 PAYPAL *WDAOGBURN 4029357733 19,29
      01/09 IOF – COMPRA NO EXTERIOR 1,23

      10/09 PAYPAL *NATWARASAEL 4029357733 131,64
      11/09 IOF – COMPRA NO EXTERIOR 8,39

  2. Renato C 16 de maio de 2011 at 14:21 #

    Olá,

    Ratifico isto que o Fernando N falou acima, conforme link que postei já no outro post aqui do blog.

    Contudo, talvez seja melhor abafar esta discussão antes que resolvam cobrar o IOF pelos nossos cartões também…

  3. Guilherme 16 de maio de 2011 at 20:46 #

    Olá, obrigado a todos pelos comentários. Pois é, a questão ainda é um pouco controversa. Vamos ver como irá fechar a fatura do meu cartão onde foi usado o PayPal para compra em reais.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

    • MJC 17 de maio de 2011 at 8:06 #

      Quando fiz uma compra pelo paypal (meio de abril), veio cobrando IOF.

  4. Leandro 17 de maio de 2011 at 16:06 #

    Olá,

    Entrei aqui para falar a mesma coisa que o Fernando N disse. A incidência da alíquota de 6,38% de IOF se dá apenas sobre operações geradas em cartões de crédito. O fato gerador é pagar uma compra internacional com o cartão de crédito.
    No caso do paypal, não. O paypal, na minha HUMILDE opinião, funciona como um intermediário, assemelhado à casa de câmbio. Essa, quando te vende dólares, cobra o IOF de 0,38% pela operação de câmbio de venda de dólares. Para mim ocorre o mesmo com o paypal. Ele atua como financeira, converte os dólares da compra para reais na cotação dele, presta esse serviço e acabou (operação 1). A segunda operação é o lançamento do valor na fatura do cartão, mas esse já em reais, ou seja, sem incidência. Não vejo ilegalidade nem nada. Acho só que o paypal quis se resguardar de uma Instrução Normativa (ou lei) que incidisse apenas sobre suas operações.

    Na prática, fiz compras pelo cartão Santander, me cobraram em real e nem um centavo de IOF. Assim, sigo usando a estratégia e pensando que ela é interessante.

    Abraços!

  5. Marcelo 17 de maio de 2011 at 16:14 #

    Seguindo a dica do site eu modifiquei meu paypal para cobrar em reais para evitar o IOF
    Mas o tiro acabou saindo pela culatra, agora alem de cobrarem o IOF do mesmo jeito (ja apareceu na fatura parcial), as compras sairam mais caro pq o paypal cobra uma taxa de conversão
    Ai uma compra que fiz de 93 dolares no paypal, na fatura veio como 97, mas ja como 157 reais, ou seja, mesmo que o dolar subir eu pago 157 reais
    Uma de 327 veio 355 na fatura
    O problema é que o itau não considera o valor em reais lançado pelo paypal, ela converte novamente o total em dolares pela cotação, ou seja, continuo pagando IOF e a taxa de conversão do paypal que o itau não respeita e cobra pela conversão normal
    Vou voltar meu paypal para dolar novamente e tentar reclamar e ver se extornam a taxa de conversão

    http://www.skooterblog.com/2008/10/23/paypal-pagamento-em-dolares-ou-reais/

    • Igor 19 de maio de 2011 at 3:34 #

      Marcelo, varios ja haviam dado a dica de que o itau faz isso, ou seja, nao vale para todos os bancos.

      Segundo o funcionario do paypal, qual seria a vantagem de convertermos a transacao pela cotacao deles entao? por exemplo, gastamos 100 dolares com dolar comercial a 1,60. Convertemos para real pelo paypal que ira cobrar, digamos, 1,70. Em seguida o itau converte os 170 reais para 106,25 dolares e volta pra reais no dia do pagamento da fatura, ou seja, fiquei exposto novamente a dolar, uma exposicao maior ainda por cima, e pago o iof. Resumindo, dei 6,25 dolares de graca para o paypal, mole mole.

    • Izac Patrocinio 19 de setembro de 2014 at 18:29 #

      Boa noite!

      Sou cliente banco do Brasil, possou cartão ourocard visa internacional, e realizei 3 compras no site ebay, pagando através do paypal, e ao consultar minha fatura, verifiquei que foram cobrados IOF de 6,38% em todas elas,
      O PAypal lança os valores normais, mas, o banco do Brasil cobra o IOF.

      28/08 PAYPAL *HAIDY168X9 4029357733 110,88
      01/09 IOF – COMPRA NO EXTERIOR 7,07

      28/08 PAYPAL *WDAOGBURN 4029357733 19,29
      01/09 IOF – COMPRA NO EXTERIOR 1,23

      10/09 PAYPAL *NATWARASAEL 4029357733 131,64
      11/09 IOF – COMPRA NO EXTERIOR 8,39

  6. Guilherme 27 de maio de 2011 at 19:53 #

    O assunto é controverso mesmo. Pelos que os leitores apuraram, o Itaú cobra IOF, mas o Santander e o Bradesco não cobram.

    Achei bastante interessante o raciocínio do Leandro.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  7. Renan 10 de junho de 2011 at 17:17 #

    Estudando sobre o assunto hoje, constatei que o Itau não adianta. Você paga em reais no Paypal já esperando ter o valor limpo sem IOF na fatura, mas eles convertem novamente pra dólar e cobram o IOF mesmo assim. Ou seja, no Itaucard você paga R$1,78 no dólar se usar a cotação do Paypal. É como se houvessem dois IOF’s. Já no Santander isso não ocorre. No caso do Itau, recomendo que não paguem em real. Usem a conversão da administradora.

  8. Guilherme 11 de junho de 2011 at 20:51 #

    Obrigado pelo retorno, Renan.

    Pelo visto usando o Itaú não compensa usar essa estratégia.

  9. Ivam 23 de junho de 2011 at 15:55 #

    Em maio/11 fiz uma compra no Paypal utilizando um cartao de crédito do Santander. A administradora aceitou a conversão do Paypal, entretanto cobrou o IOF de 6,38 no fechamento da fatura. A única vantagem foi a cotação do dólar utilizada pelo Paypal, inferior à do Santander. Fica o alerta

  10. Tiago 23 de junho de 2011 at 21:48 #

    Opa, tenho cartão Itau, e quando compro pelo paypal na versão americana em ingles do site, vem cobrando na parte de compras no exterior do cartão, com IOF. Quando comprei pela versão brasileira do site, a cobrança no cartão veio na parte de transações nacionais, convertida em reais, e sem a cobrança de IOF. Independente de como está vindo é saber , o que é correto ser??? Cobrar ou não IOF em transações desse tipo pelo paypal, é erro ou é acerto?

  11. André 29 de junho de 2011 at 16:15 #

    Alguem sabe como funciona com os cartoes do Banco do Brasil utilizando o Paypal?

  12. Renato C 2 de julho de 2011 at 0:34 #

    André,

    Por experiência própria:

    Cartão BB OuroCard Visa e MasterCard + Cartão Saraiva Banco do Brasil (este anuidade free) -> Lançamento em reais para compra em qualquer moeda no paypal
    Cartão BB Smiles -> Lançamento em moeda estrangeira por compra no paypal, incidindo IOF.

    Abraços, Renato

  13. Guilherme 2 de julho de 2011 at 7:56 #

    Ivan, valeu pela alerta!

    Tiago, pelo comunicado, o correto é a cobrança de IOF.

    Renato, valeu pelas explicações! Respondeu a dúvida do André.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  14. roberto 12 de julho de 2011 at 17:50 #

    Fernando N esta completamente certo, o paypal é uma excelente janela para nào pagar esse imposto abusivo criado pelo pt(como sempre criando impostos para o trouxa do brasileiro), para arrecadar dinheiro.
    tive o mesmo problema com o itau, ao meu ver, não temos que aceitar isso do itau, ele nao pode fazer conversao de real para dollar e depois de dolla para real, a moeda ja vem convertida, isso nao é só irregular é ilegal creio eu, fiz reclamação no sac, e estou para consultar um advogado para ter certeza, vou postar aqui, confirmando se essa cobranca do itau pode ser feita ou nao…
    abraço.

    • Heitor 26 de julho de 2011 at 15:18 #

      roberto, alguma novidade sobre isso?

  15. Guilherme 14 de julho de 2011 at 9:23 #

    Roberto, nos mantenha informado a respeito!

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  16. Rodrigo 27 de julho de 2011 at 19:50 #

    Pela minha experiência própria:
    Cartão de Crédito Ourocard do Banco do Brasil usando PayPal => Não paga IOF
    Cartão de Crédito Itaucard (Visa e Mastercard) usando Paypal => Paga IOF

  17. Jean Paulo 28 de julho de 2011 at 23:34 #

    Fiz uma compra pelo ebay nas últimas semanas. Parece que agora tudo pelo ebay é feito através do Paypal. Mesmo receoso, já que até então não o tinha utilizado, tive que pagar pelo Paypal. Usei um Platinum Bradesco. Foi cobrado em minha fatura, até agora, só o valor em reais, sem taxas adicionais, nem oscilações de preço. Estranhei que antes do encerramento/finalização da compra, ele já te mostra o valor que cobrará em sua própria moeda. Depois disso constatei que foi realmente o valor que foi debitado em minha fatura, ao contrário de uma compra feita na Amazon na última semana, onde foi lançado em dólar no cartão. Não fiz a opção pelo paypal e já noto a variação no preço da compra através do extrato.
    Parece realmente haver diferença utilizando o Paypal que já converte a moeda.

  18. Elison 29 de julho de 2011 at 1:57 #

    olha! a mulher do paypal é louca… eu já entrei com processo contra o banco santander e já ganhei na justiça, o dolar cobrado no paypal já inclui o iof! convertendo o dolar hoje custa R$1,53 o paypal deveria cobrar isso mas este cobra 1,62 isso é 6% em cima…

    O iof é sim incluso na compra pelo paypal, eu já ganhei na justiça 1 vez e consegui meu dinheiro novamene, o iof é cobrado devido a transação em moeda estrangeira, quando convertido para a moeda nacional o calculo é automático.

    Bancos do Brasil, Bradesco me entenderam e não precisei entrar na justiça mas outros eu entrei e ganhei…. Façam o mesmo! peguei a variação do dolar do dia que fez a compra e faça os calculos ! se o paypal não não inserir o iof na compra este estaria sonegando imposto e isso não acontece! quem finaliza a compra é o paypal! ele que paga em dolar! o cartão internacional fornece os créditos em real, quem faz compra direto pelo cartão paga um dolar mais baixo que no paypal…. podem conferir…
    Dá no mesmo pagar pelo paypal ou direto no cartão acontece que alguns cartões cobram o iof novamente onde já é incluso no paypal.

  19. Ronaldo 1 de agosto de 2011 at 17:38 #

    Pessoal, leiam o dispositivo legal que trata do assunto (Decreto 6.306):

    “Art. 15-A. A alíquota do IOF fica reduzida para trinta e oito centésimos por cento, observadas as seguintes exceções:
    (…)
    XX – nas operações de câmbio destinadas ao cumprimento de obrigações de administradoras de cartão de crédito ou de bancos comerciais ou múltiplos na qualidade de emissores de cartão de crédito decorrentes de aquisição de bens e serviços do exterior efetuada por seus usuários, observado o disposto no inciso XXI: seis inteiros e trinta e oito centésimos por cento;”

    Ora, só será cobrado o IOF caso o pagamento realizado para o paypal seja realizado mediante cartão de crédito, bancos comerciais ou múltiplos.

    É OBVIO que será realizada operação de câmbio se o dinheiro for para o exterior. É absolutamente irrelevante se na fatura aparece compras ou pagamentos em reais.

    Espero ter ajudado.
    Abs

    • Heitor 1 de agosto de 2011 at 19:33 #

      Caro Ronaldo, devo discordar de você observando o seguinte:

      Se a PayPal (Empresa) tiver uma subsidiária no Brasil e esta for a responsável pelas cobranças em território nacional e em moeda corrente (R$), podemos chegar a duas conclusões;

      Primeira: Isto explica o porque não é necessário cartão internacional para pagar as compras (quem paga é a PayPal).

      Segunda: Se quem paga a compra (para o vendedor) é a PayPal e no Brasil o consumidor é cobrado em R$ através da subsidiária logo o câmbio é responsabilidade da PayPal, não sendo enquadrado para compra internacional com cartão de crédito.

      Mas isto não esgota o assunto que pode ser ainda mais complexo.

      [ ]’s

  20. Guilherme 5 de agosto de 2011 at 9:02 #

    Heitor, seus argumentos têm coerência.

    O curioso desse tema, que é complexo, é a forma como os bancos têm realizado a conversão das compras nas respectivas faturas:

    – BB e Bradesco: compra aparece na fatura já em reais, aparentemente sem IOF;
    – Itaú: compra aparece na fatura em dólares, convertida depois em reais, com IOF;

    O tema é polêmico e suscita divergências. Pelo sim, pelo não, continuo usando o Bradesco para compras via PayPal. :D

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  21. Roberto 11 de agosto de 2011 at 7:14 #

    As compras internacionais feitas pelo PayPal entram no limite estabelecido pela Receita Federal de 3000 dólares anuais?

  22. Guilherme 11 de agosto de 2011 at 15:40 #

    Que limite é esse, Roberto?

  23. Rover 26 de agosto de 2011 at 23:36 #

    Olá pessoal, tudo bem?

    Eu uso cartão de crédito do Itaú e eles cobram o IOF nas comprar pelo Paypal.
    Meu amigo usa o cartão do Santander e não é cobrado o IOF nas compras do Paypal.

    Vocês saberiam me dizer se cartão Ourocard do Banco do Brasil cobra IOF nas compras feitas pelo Paypal???

    Grato pela atenção.

    Abraços.

    Rover

  24. Davi Lenz 27 de agosto de 2011 at 1:49 #

    Aqui vai minha experiencia pessoal e de amigos e parentes em compras no paypal/ebay:

    Bancos que não reconvertem e nao cobram IOF:
    Santander
    Votorantim
    BB
    HSBC
    Bradesco

    Bancos que fazem reconversão e cobram IOF de 6,38%:
    Itaú
    CEF
    Citibank

    Abraços,
    Davi

  25. Renato C 27 de agosto de 2011 at 2:15 #

    Apenas um adendo conforme post que fiz acima…

    O mesmo banco (no caso, o Banco do Brasil) pode cobrar IOF num cartão…. e não cobrar em outro. Foi o que aconteceu comigo no Banco do Brasil Smiles (cobra IOF) e no Ourocard/Saraiva (não cobra IOF).

    Um outro aspecto é o seguinte: o fato da cotação do dólar cobrado pelo paypal ser diferente da cotação do dólar do dia não significa necessariamente que o IOF já esteja embutido pelo Paypal (sem que ele o diga). O sistema de conversão de moeda estrangeira do paypal segue, acredito, uma conversão própria.

    Resumindo: A não ser que (ou mesmo que) você entre numa briga na justiça como o Elison (o que acho válido), a forma mais prática e econômica de se comprar no exterior é utilizando um cartão que não cobre IOF, pelo método de conversão do Paypal, lançando em reais na fatura.

    Se o IOF já está embutido na conversão do Paypal, isto significa que o Paypal utiliza uma cotação para o dólar muito menor do que aquela praticada pelos cartões, pois mesmo embutindo o IOF a compra fica num valor bem menor.

    Quanto ao limite de 3000 dólares anuais citado pelo Roberto, desconheço. O que eu sei é que… se numa fatura mensal você exceder o limite de R$5000 para pagamentos, a emissora do cartão de crédito envia para a Receita Federal um “aviso” (ou documento), no sentido deles ficarem de olho em você (rsrs), a fim de se verificar se a sua movimentação é compatível com o que você declara de IR.

    Até !

  26. Rover 27 de agosto de 2011 at 19:23 #

    Olá amigos, tudo bem?

    Davi e Renato, obrigado pelas dicas.
    Tenho cartão Ourocard e vou cadastrá-lo no PayPal, o inconveniente é que terei que ir buscar as encomendas no Correio, pois não terá ninguém em casa para receber.

    Abração amigos.

  27. Guilherme 28 de agosto de 2011 at 14:00 #

    David, muito boa sua compilação. Para compras internacionais, tenho utilizado meu cartão Bradesco, e tem dado certo. E a informação do Renato C sobre os cartões Ourocard deve ser lida com atenção também.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  28. Gouvea 29 de agosto de 2011 at 2:33 #

    Olá a todos,

    fiz os calculos e não compensa utilizar o cartão do bradesco, pois o mesmo utiliza o dólar turismo + taxa de utilização no exterior.

    Tem que utilizar os cartões que utilizam o dólar comercial na conversão(quem souber favor avisar).

    Abs.

  29. Rover 29 de agosto de 2011 at 9:36 #

    Olá amigos, tudo bem?

    Estive pensando aqui e na verdade não preciso usar o cartão de crédito para as transações no PayPal.
    É só deixar dinheiro na conta Paypal e eles vão debitando conforme eu vou comprando.
    Estou certo ou não?

    Grato pela atenção de vocês.

    Se precisarem de peças/ acessórios de mountain bike é só falar.
    Rover

  30. Rafael 31 de agosto de 2011 at 2:08 #

    Guilherme,

    Você poderia me confirmar exatamente qual cartão do BRADESCO vc usa?

    Obrigado

  31. Guilherme 31 de agosto de 2011 at 10:36 #

    Rover, nunca cogite dessa possibilidade. Se existir, pode ser uma maneira bastante prática de não pagar IOF.

    Rafael, Bradesco Mastercard Platinum.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  32. Davi Lenz 31 de agosto de 2011 at 14:57 #

    Rover, existe a possibilidade de por créditos no paypal? Já procurei e nunca achei essa opcao.
    []s
    Davi

  33. Guilherme 1 de setembro de 2011 at 12:31 #

    Na FAQ do PayPal https://personal.paypal.com/br/cgi-bin/?cmd=_render-content&content_ID=marketing_br/PayPal_FAQ não achei nada a respeito…

  34. Vitor Rocha 3 de setembro de 2011 at 17:59 #

    Exatamente, o Itaú cobra o IOF e o Santander NÃO! Tenho cartões dos dois bancos e vou cancelar o cartão do Itaú porque além de cobrarem IOF cobram “DIFERENÇA DE COTAÇÃO DE U$”,RIDÍCULO pois o Paypal emite uma fatura com um preço e quando chega a fatura do cartão o preço é outro, claro, pode ser menor mas DEVERIA ser o preço do ato da compra.
    Att.
    Vitor Rocha.

  35. Vitor Rocha 3 de setembro de 2011 at 18:00 #

    Só uma observação, meu cartão Santander é o antigo “Real Universitário” (não cobra IOF). Fiz compras com Itaucard Tam e Itaú Universitário, ambos cobraram IOF.

  36. Guilherme 3 de setembro de 2011 at 19:21 #

    Vitor, você está fazendo a coisa certa: escolhendo o cartão que apresenta os menores custos operacionais. Dinheiro não gasto é dinheiro ganho. Ponto. :)

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  37. Gouvea 4 de setembro de 2011 at 23:04 #

    Olá a todos,

    se o cartão Real Universitário não cobra IOF, então será se o Santander Fit (tbm universitário) não cobra tbm?

    E o cartão do santander usa o dólar turismo ou comercial?

    Tenho o cartão Banif Pro Teste , ele usa dólar comercial mas cobra IOF..

    Abraços.

  38. Renato C 5 de setembro de 2011 at 1:22 #

    Olá Gouvea,

    A informação que eu tenho é que o Real cobrava IOF e o Santander não.

    Li aqui que há um cartão do Santander (não sei qual) que não cobra IOF, porém cobra uma taxa de utilização no exterior (?!):
    http://www.skooterblog.com/2008/10/23/paypal-pagamento-em-dolares-ou-reais/#comment-15441

    Não sei que dólar o Santander Free (que não cobra IOF, nem taxa) utiliza. O que eu sei é que, independentemente do cartão usar o dólar turismo ou comercial (o que implica, aí sim, necessariamente em IOF), o mais barato é usar o método de conversão do Paypal e lançamento em reais na fatura (com o cartão aceitando).

    Sendo universitário, você pode pedir o cartão Santander Free (algum atendente na agência pode mentir para você dizendo que não, mas pode, eu sou universitário e assim pedi o cartão por telefone).

    Até !

  39. Guilherme 6 de setembro de 2011 at 19:55 #

    “O mais barato é usar o método de conversão do Paypal e lançamento em reais na fatura (com o cartão aceitando).”

    Concordo. Esse é o método mais barato.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  40. Gouvea 9 de setembro de 2011 at 13:38 #

    Olá Renato, então o Santander Free não cobra IOF e nem taxa de utilização no exterior…então é o melhor cartão que têm!…quer dizer só falta saber se ele usa o dólar comercial, pois se for aí nem precisa comprar pelo paypal…ou TODOS cartões são tarifados com IOF se a compra não for pelo Paypal?

    Abraços.

  41. Renato C 9 de setembro de 2011 at 15:47 #

    Olá Gouvea,

    Vamos lá !

    Quando você compra pelo Paypal, você pode escolher usar um dos 2 métodos de conversão:

    Opção 1:
    Usar o método de conversão de câmbio do próprio paypal, lançando em reais na fatura. Assim, nos cartões que “aceitam” isto, não há incidência de IOF, nem de taxa de utilização no exterior.

    Opção 2:
    Usar o método de conversão do cartão de crédito, daí incidirá IOF e será utilizado o dólar comercial ou turismo ou um intermediário destes dois, isto variará de acordo com o cartão.

    Resposta: Independentemente se na opção 2 o seu cartão usa o dólar turismo ou comercial, sempre sai mais barato se utilizar da opção 1 (se por um lado o dólar comercial pode ser mais barato que o método de conversão do paypal, o IOF comerá toda esta diferença e mais um pouco).

    Todos os cartões são tarifados com IOF se houver uma compra feita no exterior que não seja pelo Paypal com lançamento em reais (opção 1).

    Sacaste?!

    Até !

  42. Guilherme 9 de setembro de 2011 at 17:38 #

    Gouvea, o Renato resumiu bem a questão.

    Além do Santander Free, outro cartão que lança em real, não tem anuidade, e não cobra o IOF, é o Ourocard Saraiva. Deve-se ter um certo cuidado com o Santander Free, porque, apesar de ele não ter anuidade, tem uma taxa de inatividade, que é cobrada em todo mês que o cartão não é usado para compras. Ou seja, você é obrigado a usar o Free ao menos uma vez por mês. No da Saraiva, pelo que eu li, não há essa taxa de inatividade.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  43. Rafael 11 de setembro de 2011 at 15:18 #

    Olá pessoal,
    Discordo do Renato C e Guilherme. Utilizo o Santander Free há quase 1 ano e ele cobram SIM IOF, mesmo quando é utilizado o método de conversão do paypal e o débito é lançado em reais na fatura. Depois de ler muitos posts de fóruns, resolvi ligar para o Santander para perguntar o por quê da cobrança de IOF uma vez que o lançamento é feito em reais. No fundo eu já sabia que seria tempo perdido, mas mesmo assim resolvi ligar… A resposta que obtive mais parecia uma gravação de computador, e a mulher disse que o paypal se tratava de uma instituição estrangeira e por isso era cobrado… Ai eu perguntei como poderia uma instituição financeira estrangeira poderia fazer transações com bancos brasileiros em REAL e se isso é permitido por lei, disse também que isso só poderia ser feito caso o paypal tivesse uma filial brasileiro, assim como o Santander Matriz se encontra na Espanha e há o Santander do Brasil. Enfim, ela não soube responder a essas perguntas e continuou batendo na tecla que o IOF será cobrado por que o paypal é uma instituição estrangeira… Acho que a única forma de reaver o meu dinheiro é entrando na justiça contra o Santander, mas antes preciso ter certeza sobre essa questão. Enquanto isso, fiz o cartão Brasdesco MasterCard Smilles Platunum por sugestão do Guilherme. A princípio parece ser uma opção muito boa pois além de não cobrar IOF para compras no paypal ainda da 2 milhas a cada dólar gasto.

  44. Renato C 11 de setembro de 2011 at 15:50 #

    Olá Rafael,

    Acabei de conferir a minha fatura do Santander Free pela internet e NÃO HÁ cobrança alguma de IOF. Os valores das minhas compras individuais batem com o total da fatura já fechada.

    Aliás, só é possível haver a cobrança de IOF quando há o lançamento em moeda estrangeira ou de parcelamento, débito pendente, etc ! É assim que estipula a lei brasileira.

    Os cartões que cobram IOF reconvertem o real para dólar OU simplesmente não aparece a opção de pagamento em reais (em compras de outra moeda) para estes cartões quando são inseridos no Paypal.

    Pelo que eu me lembre, o meu cartão não está habilitado para uso no exterior (embora eu faça compras pelo Paypal com ele), não sei se isto pode fazer alguma diferença.

    Até !

  45. Renato C 11 de setembro de 2011 at 15:51 #

    E o Paypal já tem escritório no Brasil !

  46. Guilherme 11 de setembro de 2011 at 19:25 #

    Rafael, minha opinião acerca do Santander Free se baseou no comentário do Renato, que disse não haver cobrança de IOF. Mas toda essa questão estará superada quando você começar a usar o cartão do Bradesco, que não cobra IOF. :D

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  47. Rafael 12 de setembro de 2011 at 3:44 #

    Olá Renato C,

    Fiz o mesmo que você, acabei de verificar minha fatura online e HÁ SIM cobrança de IOF hehehe. A soma de cada gasto individual difere do total da fatura fechada no valor do IOF cobrado. Esse valor não aparece na fatura online, somente na que recebo por correios.

    O meu cartão é habilitado para compras no exterior e isso pode ser o diferencial, embora não faça nenhum sentido visto que estamos comprando do mesmo lugar.

    Vou esperar o meu cartão do Bradesco chegar, fazer compras no paypal com ele e com a fatura em mãos vou ao Santander tentar reaver o meu dinheiro. Caso não seja possível o jeito vai ser entrar na justiça…

    Abraço a todos

  48. Caz 12 de setembro de 2011 at 4:16 #

    Utilizo o Cartão de credito da CITYBANK, e ao comprar pelo Paypal e na mesma hora converteu para o Real e enviou para minha operadora do cartão. Sendo que a mesma converteu novamente para DOLAR porem com o valor acima do que eu tinha gasto e novamente para o Real ficando um valor absurdamente diferente do que foi gasto.
    Gostaria de saber se alguem tem conhecimento se está correto isto ? ou se devo recorrer.

    agradeço atenção aew…

  49. Guilherme 12 de setembro de 2011 at 12:44 #

    Caz, pelo que tenho observado, faz parte da política discricionária de cada banco decidir se cobra ou não o IOF nas operações via PayPal…

    • Caz 12 de setembro de 2011 at 17:42 #

      Guilherme pelo que olhei no site da receita federal tem a seguinte informação.
      2 ) – Nas operações de câmbio destinadas ao cumprimento de obrigações de administradoras de cartão de crédito ou de bancos comerciais ou múltiplos na qualidade de emissores de cartão de crédito decorrentes de aquisição de bens e serviços do exterior efetuada por seus usuários: 6,38%;

      Ao meu ponto de vista resume-se que SE e somente SE eles tiverem que CONVERTER a moeda que foi enviada para eles sera cobrada esta taxa de 6,38%.
      Por isso eles fazem o RE-CONVERTIMENTO da moeda para DOLAR e depois passam novamante para REAL cobrando valores muito diferentes dos que foram o valor real da sua compra. Entrei com Contestação de despesa sobre minha operadora, eles irão analisar. Pois o PAYPAL manda em REAIS não tem logica alguma o re-convertimento. Gostaria que mais alguem opina-se que tenha maior conhecimento na area governamental.

      obrigado a todos.

      • Guilherme 14 de setembro de 2011 at 10:09 #

        Concordo com sua interpretação, não há lógica no re-convertimento.

  50. Gouvea 12 de setembro de 2011 at 14:14 #

    Então parece que se o cartão do Santander Free não for habilitado para compras no exterior pode não haver cobrança de IOF quando se comprar através do Paypal, talvez esse seja o pulo do gato…pois já que a cobrança é feita em reais e o cartão não é habilitado para compra do exterior: então não há cobrança em moeda estrangeira – logo não há compra no exterior…

    Essa deve ser a mesma lógica para todos cartões…

    Os que não cobram IOF que falaram:
    Saraiva BB
    Bradesco platinum mastercard ( vou testar o bradesco Visa Gold international – cobra taxa de utilização no exterior se a compra for feita em dólares, vamos ver se vai cobrar usando o paypal)
    Santander free ( 99% de confirmação)
    HSBC ( sem nenhuma informação a respeito)

  51. Renato C 12 de setembro de 2011 at 14:27 #

    Olá,

    1) Verifiquei na fatura impressa do meu cartão Santander Free VISA e não há de fato cobrança do IOF.

    2) Os meus cartões Ourocard do Banco do Brasil SÃO habilitados para compra no exterior e não há cobrança de IOF no lançamento em reais do paypal, para compras feitas pela internet em moeda estrangeira.

    Então até agora temos a informação de que… no caso do Santander Free Visa, não habilitando para uso no exterior, não há cobrança de IOF.

    Obrigado, Renato C (Que zica nesse assunto, daqui a pouco tem gente lançando MBA pra se especializar neste tópico rsrs)

  52. Rafael 12 de setembro de 2011 at 23:13 #

    Ola pessoal,

    Outra informação, o meu Santander Free é MasterCard e habilitado para compras no exterior e COBRA IOF. Mas de qualquer forma, não há a menor lógica nisso tudo! Ou os bancos cobram IOF nas compras com paypal ou não cobram. O que não pode é uns cobrarem e outros não, até porque assim, ou uns estariam sonegando impostos ou os outros estariam fazendo cobranças abusivas. Eu acredito muito mais que o Santander esteja fazendo cobrança abusiva, primeiro por minha interpretação da lei do IOF e segundo pelo mesmo banco não cobrar IOF com a utilização do mesmo cartão de outra bandeira.

    Certamente entrarei na justiça contra o Santander para reaver meu dinheiro.

  53. Gouvea 13 de setembro de 2011 at 13:12 #

    Então o Santander Free Visa – DESDE QUE NÃO habilitado para compras no exterior – NÃO paga IOF.

    Outra opção é os cartões pré-pagos VTM E American express global travell…

    http://economia.uol.com.br/ultimas-noticias/redacao/2011/04/08/cartao-pre-pago-e-opcao-para-fugir-de-alta-de-imposto-compare-opcoes.jhtm

    Agora vamos fazer o comparativo final Paypal X Cartões pré-pagos VTM AMEX Global Travell etc…

  54. Guilherme 14 de setembro de 2011 at 9:57 #

    Não deixa de ser estranho um mesmo cartão (Santander Free) condicionar a cobrança de IOF à sua habilitação para compras no exterior. Trata-se de um detalhe sutil que acaba fazendo toda a diferença…

  55. Gouvea 14 de setembro de 2011 at 12:06 #

    Para utilzar o VTM é necessário criar uma conta no Paypal , pois os sites nao aceitam compra direta com o VTM…e tem que ser o VTM com 16 digitos…o VTM com 13 digitos não é aceito no Paypal…

    http://srtasenhorita.wordpress.com/2010/01/29/compra-internacional-sem-cartao-de-credito/

    Antes de tudo ligue para uma agência de cambio e pergunte se o VTM que eles tem disponivel possui código de segurança(aquele de 3 digitos), só os que tem os 3 digitos funfa.

    O BB cobra 20 $ pra fazer o cartão… vou fazer numa casa de cambio…ou alguem sabe um outro banco que não cobra nada…

    Abs.

  56. Renato C 14 de setembro de 2011 at 15:36 #

    Olá Gouvea,

    Estou para fazer um destes cartões também ! Segue aqui um comparativo bom:
    http://economia.uol.com.br/ultimas-noticias/redacao/2011/04/08/cartao-pre-pago-e-opcao-para-fugir-de-alta-de-imposto-compare-opcoes.jhtm

    Até !

  57. Guilherme 15 de setembro de 2011 at 21:55 #

    Interessantes os links, Gouvea e Renato!

  58. Fernando 15 de outubro de 2011 at 13:24 #

    Bom pelo que olhei no link , o paypal informa que cobra o IOF , porem existe comentarios que alguns cartoes nao estao cobrando, nao sei se isto é um erro operacional , bandeira do cartao ou do banco ? . Acabei de olhar a fatura dos meu 2 cartoes internacionais , ambos master card sendo um internacional e outro gold by bradesco . Nada de IOF , nao tem nenhuma informacao de transaçao internacional , somente lancamentos do proprio paypal com valores em reais , comparei com o dia da conversao a 38 dias atras ,exatamente o mesmo .

  59. Guilherme 16 de outubro de 2011 at 13:35 #

    Pois é, Fernando, eu também tenho um cartão Bradesco e o IOF aparentemente não está sendo lançado. Provavelmente o valor do IOF já estaria “embutido” no preço do produto, mas isso é apenas uma suposição…

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  60. Eriton 19 de outubro de 2011 at 15:25 #

    Meu cartão é o santander free mastercard e está habilitado para o uso no exterior. Bom fiz umas compras pelo paypal usando a sua conversão até ae tudo bem, porém quando vi minha fatura online estava em reais o total deu R$196,38 e em cima estava o valor Em dolares de 109,50. Porra meu limite é R$300 e só consta crédito disponivel agora R$26,17, e por onde anda os R$103,62? Alguém me auxilia no que devo fazer a fatura é desse mês que irei pagar no próximo

  61. Guilherme 20 de outubro de 2011 at 20:39 #

    Eriton, sugiro fazer uma reclamação no Super Linha Santander: 4004 3535

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  62. eriton 21 de outubro de 2011 at 9:54 #

    Ufa voltou os creditos acho que era algo que tinha comprado e não estornaram o valor porém veio R$91,46, banco safado.Mas é melhor deixar o cartão desabilitado para o uso no exterior no santander? E dá pra comprar de boa?

  63. Eriton 22 de outubro de 2011 at 16:08 #

    É melhor deixar habilitado ou não o uso no exterior do cartão Santander mastercard? E da pra usar no paypal sem esta habilitado? Alguém sabe?

  64. leandro guedes 22 de outubro de 2011 at 16:42 #

    eai galera, liguei no PayPal para saber se aceitam cartões pré pago e disserão que não. Alguém já fez isso e funcionou?

  65. Renata Utsch 8 de novembro de 2011 at 20:46 #

    No meu caso, fiz uma compra pelo PayPal e foi cobrado IOF pelo ITAU. mas antes de cobrar, eles converteram o valor da minha compra efetuada para o Dolar e reconverteram para o real e ai cobraram o IOF. Achei uma absurdo pois paguei mais de impostos do que pagaria se tivessem cobrado IOF na hora da compra.

    • Demetrius Costa 11 de novembro de 2011 at 20:32 #

      Renata, tive o mesmo problema!!! Estou louco aqui, vou tentar entrar em contato com PayPal antes para possivel solução.
      Você já tomou alguma medida a respeito?

  66. Natalia Yendo 9 de novembro de 2011 at 17:17 #

    Eu fiz umas 4 compras esse ano através do Paypal em sites internacionais e NUNCA haviam me cobrado IOF, neste fim de semana fiz outra compra e desta vez cobraram, e uns 5 dias depois da compra, não no fechamento da fatura como a moça do Paypal informou, to surpresa e sem entender se tem algum critério de valor mínimo de compra que acaba cobrando, porque desta vez, e pela primeira vez, eu fiz uma compra acima de US$50.00.

  67. Rafael 10 de novembro de 2011 at 13:06 #

    Adquiri o cartão BRADESCO Smiles Platinum e este não cobra IOF!

  68. Guilherme 12 de novembro de 2011 at 14:45 #

    Olá, Natália!

    Você usou o cartão de qual banco? Pergunto isso porque sempre utilizado cartões Bradesco para fazer compras no Paypal, mas sempre de valores inferiores a U$ 50…

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

    • Natalia Yendo 15 de novembro de 2011 at 20:32 #

      Oi Guilherme! o meu cartão é do HSBC, quando ve alguns bancos tem esse detalhe, compras abaixo de US$50.00 é isenta de IOF.

  69. Joao 16 de novembro de 2011 at 20:40 #

    Natalia

    Meu cartao é um premier hsbc e esse mes me cobrou 48,76 de IOF UTILIZACAO EXTERIOR.
    Eu nao entendi como eles chegaram neste valor.

    Valor das compras:
    02/11/2011 PAYPAL FOCALPRICEI 4029357733 LUX 37,43 0,00
    03/11/2011 PAYPAL MADEINCHINA 4029357733 LUX 54,04 0,00
    03/11/2011 PAYPAL MADEINCHINA 4029357733 LUX 122,59 0,00
    03/11/2011 PAYPAL MADEINCHINA 4029357733 LUX 3,54 0,00

  70. Samuel 17 de novembro de 2011 at 16:30 #

    O Bradesco Visa não cobra IOF, já o Credicard Mastercard está cobrando.

    Isso é um absurdo. O Paypal faz a intermediação da compra e transfere em tempo real.

    Cobra no seu cartão um valor em real e pela empresa nacional Paypal Brasil.

    Em nenhum momento é digitado o seu cartão no site internacional para ser cobrado como compra internacional. Vc paga uma cobrança nacional.

    Roubalheira da Credicard.

    -Respondendo ao colega IOF é 6% sobre o valores.

  71. Guilherme 18 de novembro de 2011 at 6:54 #

    Olá Natália, obrigado pela informação!

    João, sobre essas informações, cabe uma reclamação ao HSBC.

    Samuel, nesse caso, a opção mais barata, sem dúvida, é voltar a usar o Bradesco.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  72. Joao 18 de novembro de 2011 at 7:24 #

    Guilherme,

    Pelo que eu andei pesquisando na internet, o problema da cobrança desse meu IOF é porque a compra de 122,59 reais superou os 50 dolares de limite.

    Porém, a tarifa de IOF de 48,76 continua não fazendo o menor sentido.

    Vou realmente registrar uma reclamação no HSBC.

  73. Dani 21 de novembro de 2011 at 9:40 #

    Fiz uma compra internacional de R$65,69 (em reais) e me cobraram um IOF de R$23,72. A taxa não é de 6,38%???? Alguém explica???

  74. Guilherme 22 de novembro de 2011 at 16:49 #

    João, faça a reclamação mesmo. É bastante provável que eles reconheçam o erro e façam o estorno do valor cobrado a maior, na próxima fatura.

    Dani, esse IOF está errado. Faça uma queixa ao banco.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  75. Ana 23 de novembro de 2011 at 10:32 #

    Quem não está sendo cobrado IOF verificou se não está vindo a cobrança na fatura posterior? Uma vez aconteceu isso comigo, não em compra internacional, mas fiz uma outra operação que incidia cobrança de IOF. Na fatura do mês de agosto veio só o lançamento do valor, sem a cobrança do IOF. Surpreendentemente, o IOF apareceu na fatura de setembro.
    Ontem fiz uma compra usando o pay pal pela primeira vez, usando o Ourocard Mastercard International, habilitado para compras no exterior. A compra foi no valor de U$291.00, e em reais deu R$546,00 (o dólar saiu a $1,875). Tô aguardando o fechamento da fatura pra ver se vão cobrar IOF…

  76. Guilherme 25 de novembro de 2011 at 16:58 #

    Ana, no meu caso (utilizando cartões Bradesco), a cobrança não está vindo na fatura posterior.

    Conte depois pra gente o resultado do IOF no seu Ourocard…

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  77. Sandra 29 de novembro de 2011 at 20:46 #

    Oi, Ricardo.

    Comprei no ebay fiz claro meu pagamento no pay pal foi no dia 29, mas por um problema do vendedor discordando com o valor na hora do envio, alegando que seria muito mais caro do que o site informava, resolveu estornar e foi feito o credito no cartão dia 31, portanto dois dias.Porem o cartão descontou o IOF. Será que voce poderia me orientar , se procede essa cobrança, uma vez que não houve a compra do produto e o valor esta creditado? Obrigada!

  78. Sandra 29 de novembro de 2011 at 20:47 #

    Me desculpe, Guilherme,

  79. Guilherme 30 de novembro de 2011 at 22:02 #

    Sandra, cabe uma reclamação para a administradora do cartão de crédito. Explique o ocorrido, e solicite a abertura de um protocolo, para que você possa acompanhar o trâmite. Sugiro que envie por fax ou email cópia da fatura.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  80. Fernando 2 de dezembro de 2011 at 22:37 #

    Olá pessoal!

    Possuo um cartão Santander Free Mastercard no qual foi cobrado IOF por uma compra direta numa loja virtual estrangeira.

    Olhando faturas de um cartão que cancelei rescentemente, percebi que também estavam sendo cobrados IOFs. Na época provavelmente não dei muita atenção pois eram valores baixos.

    Possuia um cartão Master do BB há um bom tempo e neste não me recordo de ser cobrado o IOF.

    Mas minha dúvida é a seguinte,… Se usarmos a opção de vincular uma conta bancária no PayPal e utilizarmos ela para pagamentos internacionais ainda assim nos será cobrado o IOF?

    Estarei ligando no PayPal amanhã para confirmar isso.

    Abraços!

  81. Guilherme 7 de dezembro de 2011 at 15:12 #

    Fernando, essa pergunta não sei te responder. Em teoria, haveria incidência de IOF, por se tratar de uma transação bancária internacional vinculada ao recebimento de créditos. Mas realmente a melhor opção para sanar a dúvida é esclarecer a questão junto ao PayPal mesmo.

  82. Leandro 8 de dezembro de 2011 at 13:41 #

    Eu tenho cartão do HSBC Mastercard. No começo, eu comprava por Paypal e não me cobravam IOF. Porém, agora, todas as compras que eu faço no Paypal eles cobram o IOF sem dó e piedade. Estou querendo até trocar de cartão para ver se consigo não pagar!!!

  83. Luiz 8 de dezembro de 2011 at 22:18 #

    Atenção pessoal: o HSBC resolveu cobrar IOF em todas as compras feitas pelo Paypal. O pior é que eles cobravam o dólar comercial e agora também estão cobrando praticamente o turismo. Azar deles, eu gastava 5 mil por mês e reduzi pra 200. Se começarem a cobrar a anuidade do cartão Premier eu cancelo na hora!

  84. Joao 8 de dezembro de 2011 at 22:20 #

    Sobre a cobranca da anuidade no Premier, isso é certo. No call center me disseram que é lei e não pode mais estar vinculado ao pacote de CC. Mas me orientaram a ligar e negociar. A cobranca deveria ser em novembro mas ate agora anda.

    Sobre o IOF, minha reclamacao no HSBC nao deu em nada e eu morri em um valor que nao consigo conferir.

  85. Leandro 11 de dezembro de 2011 at 12:21 #

    Eu fiz uma pergunta no paypal sobre o IOF cobrado no meu cartão e essa foi a resposta, obrigado

    Prezado Leandro ,

    Olá, meu nome é Priscila e é um prazer poder lhe atender e responder sua pergunta sobre os valores que são cobrados em sua fatura pelo PayPal.

    Compreendo como é importante para você entender as taxas que são cobradas quando você realiza uma compra Internacional com seu cartão de crédito.

    Verifiquei em sua conta, que suas transações são Internacionais. O PayPal envia para a fatura de seu cartão de crédito o valor exato de sua compra sem nenhuma outra taxa atrelada a esse valor.

    Porém a administradora de seu cartão pode efetuar a cobrança de IOF por se tratar de transações Internacionais. Recomendo que entre em contato com seu cartão e verifique essa cobrança com mais detalhes.

    Nós estamos aqui para ajudá-lo sempre. Além do atendimento por e-mail, você também pode entrar em contato conosco ligando para 0800-892-1555.

    Atenciosamente,

    Priscila

    PayPal, uma empresa eBay

  86. Guilherme 11 de dezembro de 2011 at 18:17 #

    Leandro e Luiz, boas observações. Mais um banco que resolveu cobrar o IOF para compras no Paypal… :-(

    Leandro, interessante essa resposta, parece que a cobrança fica a critério da administradora do cartão, e não do Paypal.

  87. Gustavo V. 14 de dezembro de 2011 at 18:54 #

    Tenho cartões Itaucard, BB, Amex e Santander e minha namorada tem Credicard e Sicoobcard.
    Testamos todos (exceto Santander) e o único que (ainda) não cobra IOF para compras convertidas p/ Real no Paypal é o BB. O Santander, como disse, ainda não testei.

  88. Eriton 15 de dezembro de 2011 at 12:51 #

    Bom, o meu cartão Santander Free Mastercard, mesmo usando a cotação do Paypal em reais, cobra IOF. Eu fiz um cartão da Saraiva, que é pelo BB e foi aprovado, dizem que não cobram IOF utilizando a cotação do Paypal em reais. Essa informação procede?

    • Renato C 21 de dezembro de 2011 at 17:27 #

      Procede.

  89. Bob 16 de dezembro de 2011 at 22:07 #

    Pessoal, faço compras pela internet há uns 3 anos, sempre usei um Itaucard Internacional (MasterCard) e eles sempre cobraram o IOF.
    Ando pesquisando quais cartões não cobram caso a compra seja debitada em Reais, mas pelo que vi aqui apenas os do BB não andam cobrando.

    Minha dúvida é se existe alguma relação entre a bandeira do cartão e a cobrança de IOF. Por exemplo, os cartões VISA não cobram IOF e os MASTERCARD cobram??? Ou se a cobrança de IOF só depende mesmo do banco???

  90. Bob 16 de dezembro de 2011 at 22:17 #

    Outra dúvida que eu tenho é sobre a cotação do dólar.

    No caso do Itaú, eles fazem uma segunda conversão sobre o valor, utilizando a cotação do dólar turismo que é bem mais caro!

    Algum banco faz essa conversão utilizando o dólar comercial?

  91. Renato C 17 de dezembro de 2011 at 12:14 #

    Olá Bob,

    1) Nenhum banco, pelo que eu sei, faz esta conversão utilizando o dólar comercial, no máximo um intermediário entre o dólar comercial e o turismo.

    2) De fato, o BB é o cartão mais indicado para não cobrança de IOF pelo Paypal, contudo isto não é válido para o cartão Smiles do BB, já para os cartões internacionais Ourocard sim. Eu não pago IOF no meu Santander Free do Visa, tenho lido que tem gente pagando para este cartão. Na dúvida, priorize a bandeira VISA, pois, pelo que me lembre, o Smiles do BB que cobrava IOF também era Mastercard.

    Abraços, Renato C

  92. Bob 18 de dezembro de 2011 at 13:28 #

    Valeu Renato C, mas ainda tenho uma duvida…
    Mesmo apos utilizar a conversão do Paypal todas as operadoras de cartão fazem uma segunda conversão como o Itau?

    • Renato C 21 de dezembro de 2011 at 17:24 #

      Olá Bob,

      Não, esta segunda conversão só é feita quando o cartão de crédito não aceita o lançamento em reais do Paypal e, daí, cobra o IOF e joga o lançamento em reais, converte em moeda estrangeira e depois reconverte para real (fazendo você gastar taxas e perde dinheiro em conversões em cascata).

      Tanto o IOF como esta segunda conversão são contestáveis.

      Até pouco tempo atrás (não sei se ainda existe esta opção), você poderia escolher se queria que o Paypal lançasse em reais (usando o método de conversão do site, caso o cartão de crédito aceitasse, o Amex, por ex, nunca aceitou) ou o lançamento em moeda estrangeira (daí a conversão para reais seria feita pelo próprio cartão).

      Falow !

    • Renato C 21 de dezembro de 2011 at 17:25 #

      Dentre os cartões que não aceitam lançamento em reais pelo Paypal, não sei se são todas as operadoras que fazem esta segunda conversão em cascata não, acredito que não.

  93. Leandro 21 de dezembro de 2011 at 17:15 #

    Bom pessoal, eu estou dando uma olhada em outros forum com as mesma questão e tem pessoas que conseguiram o reembolso dos impostos de IOF em seus cartões fazendo reclamações no próprio banco ou na justiça, pois pelo que me parece o paypal lança os valores em reais e o banco que faz esse tipo de conversão e como o paypal é uma empresa que agora está no Brasil é como se a gente enviasse o dinheiro ao paypal e eles enviassem para o vendedor no exterior, gostaria de saber a opinião de alguem sobre isso, obrigado

  94. Leandro 21 de dezembro de 2011 at 17:39 #

    E quando vc faz uma compra pelo paypal e o vendedor não envia o produto e assim vc faz a reclamação e o paypal devolve seu dinheiro o banco tambem devolve o IOF cobrado dessa compra que foi estornado o valor no catrão? obrigado

  95. Marina 9 de janeiro de 2012 at 10:27 #

    Olá,
    tenho uma dúvida sobre o paypal e gostaria que alguém a esclarecesse. Fiz minha primeira compra pelo ebay no mês passado (dezembro de 2011), para o pagamento usei o paypal, porém com o cartão internacional do meu pai (cadastro no nome e cpf dele). O valor da compra ficou em torno de R$400,00.
    Pouco tempo depois me disseram que eu deveria ter colocado o meu cpf, mesmo o cartão não sendo meu, pois assim meu pai não teria que declarar essa compra no imposto de renda. Isso existe mesmo? Eu posso excluir essa conta no paypal e fazer outra com o meu cpf?
    Obrigada!

    • Renato C 10 de janeiro de 2012 at 14:36 #

      Olá Marina,

      Desconheço isto de colocar um CPF para o cartão e outro para a conta.

      Você pode criar uma outra conta no Paypal (com um e-mail diferente), utilizando-se também de um CPF diferente. Não é preciso excluir a conta do seu pai, se você for fazer uma outra conta com dados diferentes.

      Se você vinculou um cartão de crédito a uma conta do paypal, é preciso remover este cartão da conta para vinculá-la a outra.

      A não ser que seja algum gasto médico ou algo que dê dedução no Imposto de Renda, não vejo o porquê de se registrar uma compra na declaração ao IR. A declaração é de renda, não de gastos (estou errado?!).

      Abraços !

  96. Gustavo 10 de janeiro de 2012 at 10:48 #

    “Obrigado ao PayPal pelos esclarecimentos!” — uma ova

    Essa funcionária está apenas 50% correta. É verdade que ninguém deve ter a mentalidade de economizar IOF, mas o próprio PayPal GARANTE no ato do pagamento que você tem a opção de fazer a conversão NA HORA ( e dessa forma fixar o câmbio) e ser cobrado em REAIS na fatura do seu cartão. E você ainda PAGA uma taxa para o PayPal para ele te ‘garantir’ isso. Ou seja, O PayPal não está cumprindo com sua palavra, e também precisa urgentemente fazer acordos com certos bancos como o ITAÚ, que estão ignorando completamente essas cobranças em Reais, e isso prejudica o comprador novato que acredita que fugiu da variação do Dólar e do IOF. Eu já achei minhas maneiras de fugir disso tudo, mas gostaria que o PayPal e o Itaú tivessem sido mais claros e honestos quando fiz 15 compras no ano passado em REAIS e paguei 60 reais a mais de reconversão + IOF. Por isso que eu digo, as informações dessa tal funcionária TAMBÉM não procedem!

  97. Leandro Maciel Rosa 10 de janeiro de 2012 at 12:09 #

    Eu só sei que vou na Justiça para ter o reembolso desses IOFs, pois na soma de 3 meses de compra eu paguei R$ 780,00 de IOF, e nunca foi discriminado nas faturas a conversão do dólar para real.

    E esse mês era para eu pagar R$ 303,00 de IOF e hoje é dia 10 e ainda não foi cobrado, muito estranho isso.

    Banco HSBC visa

  98. Renato C 10 de janeiro de 2012 at 14:30 #

    Sei que vocês já devem saber disto, contudo, não custa nada avisar: o IOF também é cobrado, salvo me engano, quando há alguma dívida junto ao cartão, isto é, caso estejam sendo cobrados pelo IOF, certifiquem-se de que ele se refere de fato à compra internacional feita.

  99. Fernando Lima Gama Junior 11 de janeiro de 2012 at 5:05 #

    O BB é o único que está agindo corretamente. O valor indicando pelo PayPal em reais já inclui o IOF. Podem notar que a cotação do dólar hoje é de 1,82, mas se forem fazer uma compra o Paypal vai fazer a conversão a mais ou menos 0,516 dolar por real, o que dá 1,93, que é o valor com o IOF.

    Os outros bancos estão cobrando por plena ignorância.

  100. Guilherme 11 de janeiro de 2012 at 8:04 #

    Importantes essas observações do Renato e Fernando.

    É isso aí!
    Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  101. Leandro Maciel 11 de janeiro de 2012 at 14:00 #

    Fiz a seguinte pergunta para o Pay:

    “Eu tenho uma duvida, quando eu faço uma compra no exterior e pago por paypal como funciona a cobrança em meu cartao de crédito, quero saber se a cobrança é feita em reias ou dolar, nas minhas faturas vem todas cobradas em reais e mesmo assim é cobrado IOF então quero saber como funciona essa cobrança de vcs com o cartão de crédito, se é o cartão que faz o câmbio para outro país ou são vcs, obrigado”.

    Essa foi a resposta:

    “Prezado Leandro

    Olá, meu nome é Odirlei e é um prazer poder lhe atender e responder sua pergunta sobre conversão de moeda nas compras internacionais com o PayPal.

    Entendo o quanto é importante para você saber sobre conversão de moedas e cobrança de IOGF neste tipo de transação.

    Quando você realiza uma compra internacional com o PayPal, no momento que você está finalizando o pagamento aparece o ícone “Outras opções de conversão” e nesta opção você pode escolher entre o PayPal ou o cartão para realizar a conversão de moedas.

    Se você escolher que o PayPal realize a conversão, encaminhamos a cobrança em Reais e não é cobrada a taxa de IOF, já na conversão por parte do cartão, o valor é encaminhado em Dólares e o cartão realiza a conversão apenas no fechamento da fatura e cobra o IOF.

    Caso a compra que você realizou seja convertida pelo PayPal e o cartão cobre o IOF, você deve contestar esta ação, pois nestes casos o cartão reconverte o valor encaminhado para Dólares e reconverte para Reais, causando diferença nos valores.

    Nós estamos aqui para ajudá-lo sempre. Além do atendimento por e-mail, você também pode entrar em contato conosco ligando para 0800-892-1555″.

    Realmente essa opção tem na hora de fazer o pagamento e pelo que eu entendi todas vez que for fazer o pagamento tem que entrar nessa opção e escolher o tipo de conversão e clicar em enviar e depois fazer o pagamento que assim o pagamento será feito em reais e não será cobrado o IOF ou estou errado? obrigado

  102. Leandro Maciel 11 de janeiro de 2012 at 14:10 #

    Fiz mais uma pergunta para o paypal e vejam a resposta para todos verem os abusos feitos pelo banco

    Prezado Leandro Maciel Rosa,

    Olá, meu nome é Odirlei e é um prazer poder lhe atender e responder sua pergunta sobre conversão de moedas.

    Compreendo sua preocupação em relação às cobranças realizadas em seu cartão mesmo o PayPal tendo realizado a conversão de moedas.

    A informação de “Outras opções de conversão” aparece somente no momento que você está realizando a compra, logo após você digitar o login e senha do PayPal.

    A opção de conversão do PayPal é automática, então quando você clica no ícone “Outras opções de conversão” é somente para solicitar que o cartão faça a conversão.

    Verifique no Histórico de transações em sua conta do PayPal se o valor encaminhado de suas últimas compras foi em Reais.

    Se o valor foi encaminhado em Reais o cartão não pode realizar a cobrança de IOF e não pode converter o valor para Dólares em seguida para Reais.

    Se desejar, entre em contato pelo telefone 0800 892 1555 para podermos analisar alguma transação onde você suspeita que houve este procedimento realizado pelo cartão.

  103. Lucas 16 de janeiro de 2012 at 16:05 #

    Me cobraram iof, mesmo o paypal convertendo para real. Falei com a master card e não tem choro, 6,38%. Acho errado, mas não tem muito o que fazer.

  104. Ana 21 de janeiro de 2012 at 11:36 #

    Engraçado isso. Percebi que é só o MASTERCARD que faz essa trambicagem. Estou com o mesmo problema. Até Novembro de 2011, sempre utilizei o VISA nas minhas compras com o Paypal. E não foram poucas. Todo mês compro e compro bastante. Mas desde que comecei a utilizar o MASTERCARD, ou seja, desde Dezembro 2011, veio cobrando o maldito IOF. E sempre escolho a opção de conversão pelo próprio Paypal. Em Dezembro veio vinte e poucos reais, mas nesta fatura de Janeiro veio quase R$130,00! Um absurdo. Vou contestar, mas pelo que estou vendo não adianta muito. E voltarei a utilizar o VISA.

  105. Julio 27 de janeiro de 2012 at 13:58 #

    Ana,
    Você chegou a utilizar novamente o VISA como teste?
    Qual foi o resultado?

  106. Ana Cristina 29 de janeiro de 2012 at 1:13 #

    Eu estou usando o ItauCard Internacional Visa e está me cobrando iof, mesmo o Paypal mandando o valor, em Real. O Itaú converte para dolar e depois me taxa na iof,e me cobra em Real, um absurdo.

  107. Bruno 10 de fevereiro de 2012 at 10:51 #

    Os cartões de crédito BRADESCO não cobram IOF se você utilizar a conversão pelo paypal, mas o ITAUCARD sim. Irei me certificar do porque e retorno no topico.

  108. Gustavo 21 de fevereiro de 2012 at 16:53 #

    Pessoal, o problema é que o PayPal não tem contrato com os bancos brasileiros e então cada um usa o critério que achar melhor. O Itaú, por exemplo, me disse que o PayPal é considerado “site internacional”. Será? O site do PayPal pode ser acessado com o ‘.br’, além de poder ser configurado para ficar totalmente em português. O PayPal tem registro e escritório físico aqui no Brasil. Fora isso, o IOF só é devido quando se trata de conversão a partir de moeda estrangeira. Ao meu ver, se a cobrança é em Reais não deveria haver IOF, mesmo se eles pudessem provar que a compra foi feita no exterior.

    Essa questão toda ainda está em aberto. Essas reconversões e cobranças de IOF sobre compras via PayPal que estão vindo nas faturas são altamente contestáveis, e no fim você poderá reaver o seu dinheiro. Mas é melhor prevenir do que remediar: se o seu banco não aceita a cobrança em Reais, é melhor deixar ela vir em moeda estrangeira mesmo e morrer com o IOF. Pelo menos você foge da taxa do PayPal e da reconversão.

    Eu só consegui reaver meu dinheiro após 2 meses e várias ligações. Eu percebi que essa “política” do Itaú / Itaucard é meio que temporária; é para pegar trouxa mesmo e proteger o rabo deles. Você não encontra essa questão devidamente descriminada nos termos de contrato do banco. Eles não se importam de ter que devolver o dinheiro para alguns gatos pingados que resolvem reclamar. Se você pressionar usando os argumentos certos, você consegue. Mas é melhor não repetir a dose: a moça foi bem clara em me dizer que eles não “recomendam” que se use a opção de conversão para Reais do PayPal na hora de pagar.

  109. Gustavo 21 de fevereiro de 2012 at 17:12 #

    Pessoal, apesar de essas cobranças serem realmente indevidas e contestáveis ( e você até poderá reaver o seu dinheiro após um longo processo de reclamação junto ao seu banco ), no fim é melhor fugir disso tudo e não usar a conversão para Reais do PayPal. Você vai morrer com o IOF, mas pelo menos foge da taxa de conversão do Paypal e da reconversão do Itaucard.

    Mesmo com escritório aqui no Brasil, o PayPal não tem contrato com os bancos, e por isso é que tem problemas. Cada banco faz aquilo que achar melhor para se proteger. Essa questão ainda está em aberto e portanto deixa margem para explorarem o nosso dinheiro. Eles até devolvem o dinheiro para uns gatos pingados que resolvem reclamar, mas a maioria vai continuar pagando taxa tripla (PayPal + Reconversão c/ taxa cambial + IOF) até que isso seja padronizado entre os bancos.

    • Igor 22 de fevereiro de 2012 at 3:50 #

      Os ultimos cartoes que eu cadastrei no paypal , um do BB e outro do santander, vieram com descricoes do tipo Paypal do Brasil ou pais de transacao BR. Com isso, acho que o paypal deve ter regularizado a situacao. em ambos os casos, as cobrancas em real nao foram reconvertidas.

  110. Rafael Pereira 23 de fevereiro de 2012 at 18:53 #

    Eu já tinha percebido isso…é realmente uma pena. -/-
    Mas é isso ou comprar porcarias vindas do Paraguai ( digo,da China XD )

  111. Marcelo 2 de março de 2012 at 2:17 #

    Olá a todos. O meu cartão (Mastercard, via Banco do Brasil) começou a cobrar IOF só agora na nova fatura, que começou no final de fevereiro. Desde que tenho o cartão, faz alguns anos, nunca cobrou IOF em compras do Paypal.

    Quando ao comentário anterior do colega Gustavo, creio que o Paypal sempre irá cobrar a taxa de conversão, seja a moeda listada como dólar ou reais. É assim que o Paypal fatura, então não vai fazer nenhuma diferença com qual moeda seu saldo no Paypal aparece; ele sempre irá tirar uma percentagem pela venda…

  112. Marcelo 2 de março de 2012 at 3:09 #

    Pesquisei um pouco mais, e retifico o meu comentário acima: creio que a partir de agora (talvez dependendo do banco e da operadora de cartão de crédito), as compras em reais feitas via Paypal no exterior terão sempre cobrança de 6,38 % de IOF.

    Creio que a única opção que teremos será em relação a quando é feita a conversão da moeda estrangeira em reais.

    Se for via Paypal (sendo o lançamento resultante no cartão em reais), o Paypal embolsa a taxa padrão de 2,5 % de conversão, com a cotação do dia da transação.

    Se a conversão ficar para as operadoras de cartão, elas é que embolsam a taxa de conversão, usando uma única taxa para todas as compras feitas naquele mês (não sei qual o critério usado para essa cotação única). Daí só na fatura saberemos o valor exato das compras em reais.

    Das duas formas, o IOF deverá incidir sobre o valor final de cada compra, em reais. Ou seja, a princípio só pagamos uma vez pela conversão, e só uma vez pela incidência do IOF. O triste é que com as duas coisas acumuladas, efetivamente pagaremos agora 9,04 % a mais sobre o valor dos produtos comprados no exterior.

    E ainda tem a terrível perspectiva de ter que pagar imposto de importação (60 %) junto com ICMS (depende do estado, mas está em torno de 34 %) sobre os produtos ao chegarem no país. E para quem não sabe, esses dois incidem sobre o valor total declarado, ou seja, sobre o valor dos produtos E sobre o custo do frete.

    É de matar… :-(

  113. Eduardo 3 de março de 2012 at 23:25 #

    Olá a todos
    Fiz VARIAS compras via PayPal em 2011 todo, usando a conversão. O VISA do HSBC NAO COBROU.
    Pior de tudo: Acabo de receber uma correspondência do HSBC dizendo que vão cobrar tudinho !!!
    Absurdo, será que tem como reclamar ?

    Obrigado

  114. JJ 4 de março de 2012 at 9:18 #

    O maior problema é que todos sabem p/onde vai esse dinheiro. IOF e impostos de importação. Para o bolso da maioria dos políticos. Aqui na Irlanda eu já paguei imposto de importação e ficou em 25% (no momento, por estarem “quebrados”, o imposto subiu para 27%). Não entendo porque no Brasil tem que ser quase 100%. Na verdade, eu entendo. Aqui toda a semana tem passeata no centro contra alguma medida do governo. Coisa que eu raramento vejo no Brasil, exceto de sindicatos!

  115. Fabio 13 de março de 2012 at 17:56 #

    fod… o Brasil de tolos mesmo… em 2011 também fiz varias compras nunca foi cobrado IOF, utilizei o VISA CArrefour via paypal e veio praticamente o valor de envio do produto via USPS

  116. Leandro 14 de março de 2012 at 12:57 #

    O banco Hsbc cartão visa acabou de fazer uma cobrança retroativa de IOF em uma compra que eu fiz em fevereiro de 2011 o valor do IOF cobrado foi de R$96,00, quero saber se o banco pode realmente fazer isso pois o pagamento foi por paypal com conversão em reais, obrigado

  117. Fabio 14 de março de 2012 at 13:05 #

    que absurdo Leandro

    Cancela essa porcaria ai! não acredito que ta acontecendo isso, então to ferrado também, em 2011 fiz varias compras.

  118. Leandro 14 de março de 2012 at 13:17 #

    Fabio

    o pior é que eu tambem fiz várias compras e agora ferrou tudo!!!

  119. Fabio 14 de março de 2012 at 13:23 #

    porra Leandrão tamo lascado mesmo!

    é que não manjo nada de leis tambem, mas deve ter algo que se possa fazer, tomara que os mais entendidos do assunto possa nos ajudar.

    abraço

  120. Renato C 14 de março de 2012 at 16:07 #

    Pois é, como fica isto?

    Eu só fiz as compras em função de não haver acréscimo de 6,38%….

    Será que esta lei recém-aprovada de “declaração de quitação anual de débitos” é algo a nosso favor?
    http://www.direitolivre.com.br/perguntas/508/DECLARACAO_DE_QUITACAO_ANUAL.aspx

    Falow, Renato C

  121. Joao 14 de março de 2012 at 16:21 #

    Pessoal

    Se eles podem fazer isso eu nao sei, fui cobrado e tive que pagar. Pelo que estou vendo, isso e uma questao de tempo para os demais.

    • Renato C 14 de março de 2012 at 16:44 #

      O seu banco é o HSBC, correto? Existe uma pequena probabilidade (pequena, pois os bancos agem em conjunto) dos outros bancos não cobrarem… é bom a gente trocar informações por aqui se for cobrado.

  122. Joao 14 de março de 2012 at 16:52 #

    Isso mesmo! Valeu!

  123. Bicz 27 de março de 2012 at 16:31 #

    Se o paypal fizesse o lançamento como país BR, não seria cobrado o IOF, porém eles lançam como o país de origem da compra, então lá se vai nosso $$ para o governo!

  124. Casagrande 30 de março de 2012 at 19:00 #

    Pessoal, liguei agora para o 0800 do PayPal, e tirei o resto de dúvidas que tinha sobre a conversão em real feita no cartão / Paypal
    (essas informações peguei com a atendente e pesquisas em outros sites )

    Temos as duas situações:

    A) Paypal Converte de Dólar para Real
    Quando o Paypal converte, ele pega o valor do dolar ( cotado duas vezes ao dia ) + 3,5% ( TAXA FIXA de conversão do Paypal ) + 6,38% do IOF e converte para real e manda a cobrança em real para o cartão.

    B) Cartao Converte de Dólar para Real
    Quando o Cartão converte, é enviado em dólar ao cartão, que no dia do fechamento da fatura, faz conversão. A Taxa de conversão nesse caso, varia de banco ( vai de 1% a 4% ) + 6,38% do IOF e vc fica sujeito a variação do dólar.

    Olhando assim, é melhor usar a conversão do paypal, MAS ( que é o meu caso com o Itaucard ) existem alguns bancos que fazem uma reconversão do dólar, pegando esse valor que foi jogado em real e convertendo novamente para dolar e depois em real, adicionando o IOF novamente, ou seja, paga-se o IOF 2 vezes! + a diferença que teve do dólar…
    Isto é TOTALMENTE ILEGAL/ERRADO/ETC.. porém acontece em alguns casos ( pesquisei e vir relatos semelhantes. )

    O próprio Paypal indica realizar contestação do valor com o banco… mas aí, já entramos em outro paradigma, do mundo brasileiro, do stress, e dos problemas sem solução…

    Se não fosse esse roubo da reconversão eu usaria a conversão do Paypal.
    Vou ver agora, com o American Express como vai ser, até agora não vi relatos desse ‘erro’….

    OBS¹. o 0800 do Paypal é coisa de outro mundo.. você conversa com o atendente como se estivesse conversando com um amigo de longa data, nem se compara com as centrais de atendimento dos cartões… nota 10!…
    0800-892-1555

    OBS². Você escolhe qual método de conversão vai utilizar, no momento da compra. Existe uma opção “alterar forma de conversão”

  125. Gustavo 31 de março de 2012 at 1:04 #

    Olá Casagrande. Você parece ter razão quanto ao IOF ser cobrado pelo PayPal de forma escondida. Eles nem citam isso no Contrato do Usuário.

    Eu fiz um teste usando o conversor de moeda do próprio PayPal:
    https://www.paypal.com/au/cgi-bin/webscr?cmd=_convert-currency-generic

    No horário desta mensagem o PP acusou a taxa de 1,75 de Dólar para Real. Mas quando fui pagar algo, o PP mostrou uma taxa de 1,89!! Então eu fiz as contas: [(1,75 + 0,035) x 0,0638] + (1,75 + 0,035) = 1,90 arredondando para o teto.

    Ou seja, ou eles passaram a embutir o IOF na conversão faz pouco tempo ou eu não percebi a diferença todo esse tempo. Eu pensava que o PP não cobrava IOF, e sim apenas o dólar comercial + 3,5%. Mas na verdade eles usam uma taxa de câmbio própria deles que é bem baixa, mas que no fim fica tão ruim quanto o cartão por causa do IOF escondido e da tarifa de 3,5%.

    O jeito é ter conta bancária lá nos EUA.

    • Casagrande 31 de março de 2012 at 1:07 #

      Exatamente amigo, foi isto que a atendente me disse..
      No caso da cotação é feita DUAS vezes durante o dia… da pra ficar igual aqueles caras da bolsa de valores
      “dolar baixo, compra! compra! compra!”
      kkkkkkkk

  126. Gustavo 31 de março de 2012 at 4:54 #

    Não pode cobrar IOF se o lançamento for em moeda nacional pois não EXISTE operação de câmbio sendo feita, a não ser que o BB também começe a fazer a famigerada reconversão de reais para dólar.

    Se fizerem isso na minha próxima conta, eu vou reclamar até o fim, pois já reclamei com o Itaú e obtive vitória parcial (só devolveram metade). Sugiro que todos o façam. O PayPal tem representação nacional e já cobra o IOF embutido no valor em Reais.

    • Renato C 31 de março de 2012 at 12:20 #

      Olá Gustavo,

      Tudo bom?

      Você leu o ato declaratório interprativo que postei no link acima, presente no post do Anderson? Ele dá respaldo para isto que você diz que não pode.

      Agora sim, quanto ao Paypal já embutir o IOF em sua conversão, é algo que a empresa deveria declarar oficialmente, por alguma nota, para que tenhamos munição para argumentar contra os bancos.

      Falow, Renato C

      • Gustavo 31 de março de 2012 at 13:47 #

        Olá. Sim eu li com mais atenção agora. Ainda assim acredito que o PayPal tem acordo com os bancos (nem todos) para que não haja cobrança dupla. Eu continuo achando que o PayPal só passou a embutir IOF na conversão dele a pouco tempo, por pressão do governo talvez e/ou acordo com os bancos. Seria bom se alguém pudesse confirmar isso.

        Mesmo se o BB, por exemplo, passar a cobrar o IOF mesmo sobre o valor em reais, eles vão ter que justificar isso na fatura fazendo a mesma reconversão que o Itaucard faz, ou vão ter que explicitar (provar) de alguma forma que a origem do pagamento foi no exterior.

        Até onde sabemos, quem realmente faz o pagamento no exterior é o próprio PayPal, não a gente. Nós aqui pagamos em reais para uma empresa com representação aqui no Brasil que por sua vez usa dólares para pagar o vendedor lá fora. Não vem nada na fatura provando que a origem dos meus pagamentos são no exterior, e esse é o maior ponto fraco dos bancos. Eles começam a ceder se você bater nessa tecla.

        Na verdade não é nem a gente que faz a compra em si, mas sim o PayPal. Sendo o PayPal uma empresa com sede fora do país e intermediadora do processo de pagamento, eles não deveriam ter que recolher IOF para o governo. Mas eles fizeram acordo com os políticos para pegar nosso dinheiro de qualquer forma; isto é, se não te pegam no pagamento virtual, irão te pegar na fatura do cartão. E se te pegarem duplamente? Para quem vai o excesso? Será que o governo está recolhendo IOF duplo sobre essas compras no exterior? Isso é muito grave.

      • Gustavo 1 de abril de 2012 at 2:12 #

        É meus amigos, já era: acabei de checar meu extrato de lançamentos futuros no Banco do Brasil e parece que vai vir uma surpresinha este mês: IOF cobrado sobre lançamentos em reais do PayPal, sem nenhum aviso ou justificativa.

        Ou seja, além do IOF embutido pelo PayPal, tem que pagar IOF pro banco. Paga-se 2x o IOF. Em suma, se você escolher a opção de conversão para reais na hora de pagar pelo PayPal, você vai cair na seguinte armadilha:

        paga-se 3,5% pro PayPal (até aí tudo bem, os gringos pagam só 2,5%)
        paga-se 6,38% pro PayPal (sem nenhum aviso)
        paga-se em média 2% para o banco (se houver operação cambial)
        paga-se 6,38% para o banco (cobrança indevida)
        paga-se uma possível diferença da variação cambial negativa durante o período (se houver operação cambial)

        Nós pagamos aí no mínimo uns 10% a mais sobre o valor das nossas compras. Isso é um absurdo total. Nós temos que fazer alguma coisa. Começem a ligar para os seus bancos e o PayPal. Entrem em contato com o PROCON e o tribunal especial cível. E parem de usar a conversão para reais do PayPal!

        e ainda por cima você paga frete caro, sofre com atrasos dos Correios e pode ter seu produto tributado em mais de 60% do valor original + frete. Ah, e tudo isso se o seu produto CHEGAR, porque eu digo por experiência: nem sempre chega.

        Eu vou dar um exemplo: suponha que você faça uma compra de US$10,00 no eBay incluindo o frete. Pois bem, antes de pagar você nota que o dólar comercial está R$1,82. Portanto você conclui que terá que pagar R$18,20 certo? Errado! Na hora de pagar pelo PayPal, a taxa de câmbio vai subir para R$1,90, o que dá R$19,00 no total. Acabou? Não, agora é a vez do banco: ele poderá cobrar IOF DENOVO sobre este valor em reais, e o total subirá para R$20,21. Acabou? Ainda não. Se o banco cismar de cobrar variação cambial negativa, pode ser que você pague até R$1,00 em cima do total, ou seja: $21,21

        Moral da história: a sua compra sobre de R$18,20 para $21,21…

        É o fim… a não ser que a gente lute!!!!!!

  127. JEAN 12 de abril de 2012 at 18:42 #

    NA MATÉRIA ACIMA É CLARO:

    “Todas as compras internacionais pagas com cartão de crédito internacional, com ou sem a PayPal, estão sujeitas ao IOF, independentemente da moeda utilizada / escolhida pelo comprador.’

    POREM, UTILIZO CARTÃO DE CREDITO QUE NÃO É INTERNACIONAL, POIS AGORA É POSSIVEL VIA PAYPAL. A CONVERSÃO É FEITA VIA PAYPAL. AINDA NÃO PAGUEI IOF, APENAS A TX EMBUTIDA DO PAYPAL, SE NÃO ME ENGANO 3,5%.EU NÃO SEI PORQUE ISSO, MAS FAZ SENTIDO, UMA VEZ QUE É IMPOSSÍVEL FAZER COMPRAS NO EXTERIOR COM UM CARTÃO DE CRÉDITO QUE NÃO É INTERNACIONAL.

  128. Anderson 19 de abril de 2012 at 21:59 #

    Bom, infelizmente os bancos brasileiro inventaram mais um jeito de extorquir seu consumidor….

    Concordo q o banco cobre IOF… se ele fizer o cambio.. afinal ele assumiu um compromisso/dever/ custo por vc…
    Tbm concordo q o paypal cobre suas taxas… afinal, ninguem trabalha de graça… é preciso pagar esse compromisso e conveniencia de poder ter seu pagamento de volta….

    Agora eu so queria q alguem me explicasse caso seja possivel o seguinte..:

    “O Paypal agora tem sede no Brasil, portanto voce esta pagando (comprando) algo no brasil… e esta pagando em real… LOGO, ONDE Q ESTÁ O RAIO DO CAMBIO Q O BANCO ASSUMIU Q LHE DESSE DIREITO À COBRANÇA??????????????????????????????????????

    Até quando seremos extorquidos assim, na “caruda”??!!

  129. Tais 20 de abril de 2012 at 17:39 #

    Verifiquei nas minhas faturas recentes do cartão (Visa e Master – Banco do Brasil) a cobrança do IOF …
    Liguei para o Paypal e me informaram que a cobrança sempre existiu, mas agora é obrigatório que ela venha descriminada à parte na fatura.
    Comparei faturas antigas e as recentes com meu histórico de transações no Paypal.
    Antes, o que aparecia como valor cobrado em Real no Paypal era o que vinha fatura do cartão e só. Agora, aparece vem o valor da compra em Real no Paypal MAIS o IOF à parte…
    Pode ser que o IOF já estivesse embutido na taxa de conversão do Paypal, mas pelo menos você via o exato valor que viria na fatura, sem mais surpresas desagradáveis… Agora, na hora de comprar pelo Paypal é bom saber que o valor a pagar será maior do que o que você vê na tela…
    Liguei para o BB para saber qual a taxa de serviço para conversão de compras realizadas no exterior pelo cartão. A atendente me disse que o BB não cobra taxa alguma a mais, apenas a taxa de câmbio do dia e o IOF. Segundo ela, esta taxa de 1 a 4 % ou de 2% que o Casagrande e o Gustavo citaram não é cobrada pelo Banco do Brasil…
    Então quer dizer que esse tempo todo estive pagando o IOF pelo Paypal, além da taxa de serviço de 3,5% enquanto o banco me cobraria o IOF mais 0% para o pagamento no cartão de crédito ?? Lógico que comprando no cartão sempre existe o risco do dólar disparar e a compra sair mais cara que o previsto, mas mesmo assim …
    Se os atendentes me passaram as informações corretas, parece que nunca compensou pagar pelo Paypal em Real …
    Concluindo ( me corrijam se eu estiver errada):
    _ o Paypal sempre embutiu o IOF na hora de converter o valor da compra para Real, só agora que está convertendo e cobrando o IOF à parte.
    _ pagando pelo cartão de crédito, paga-se apenas a taxa de câmbio do dia e o IOF sem taxa a mais alguma ??
    (na verdade estou achando que esta informação que o BB não cobra taxa é boa demais pra ser verdade …rs)

  130. Gustavo 20 de abril de 2012 at 21:19 #

    Olá Tais.

    Eu não sei se o PayPal sempre embutiu IOF ou não. É provável que sim.

    Também acho difícil o BB não cobrar uma taxinha de 2% embutida na conversão. Deve cobrar sim.

    Quanto ao IOF, é isso mesmo: se usar a opção de converter no PayPal, você paga IOF duas vezes. No pior caso nós estamos pagando por volta de 10% a mais nas nossas compras via eBay, etc.

    A cobrança de IOF por parte do cartão é indevida e até ilegal (pois não há operação de câmbio sendo descriminada na fatura!), enquanto que a do PayPal é questionável já que ele tem registro no Brasil. Na verdade nós compramos do PayPal aqui no Brasil, e não do vendedor no exterior! O IOF deveria ser inexistente ou pelo menos reduzido.

    Com toda essa roubalheira o PayPal perdeu o papel de intermediador e virou nada mais do que um facilitador de pagamentos.

    Eu tenho certeza que o 6.38% da senhora Dilma foi instaurado principalmente para segurar as compras via Internet. O volume de encomendas entrando no país aumentou demais nos últimos anos, e a alfândega não dá conta de taxar nem 1% do que chega. Por isso o IOF maior e por isso essas cobranças começando a aparecer em todos os bancos.

    Você vai pagar IOF de 6% até mesmo se você usar o PayPal para enviar dólares para um parente seu no exterior! PayPal já não vale mais a pena, mas todo mundo usa né?

    A Internet abriu muitas portas para o povo brasileiro que começou a se emancipar por causa disso. Mas assim como os pais que tem dificuldade de aceitar que seus filhos cresçam, o nosso governo faz de tudo para segurar as rédeas e manter-nos presos ao “status quo” da política mundial. Isto é, o brasil é um país de terceiro mundo porque ele é MANTIDO assim pela nossa política vigente e pela elite manipuladora do mundo.

  131. Matheus Rocha 21 de abril de 2012 at 19:03 #

    Já que atraves do Paypal nós pagamos o IOF de qualquer maneira, gostaria de saber de vcs, o que fica mais viavel agora continuar comprando no Paypal ou no Cartão de Credito, já que o paypal compra o valor do dolar superior ao do dia da compra. exemplo, se o comercial do dolar no dia é de 1.85reais, o valor do produto sai no valor de 1.90 reais. ja com o valor fechado sem alteracao.no extrato do cartao de credito, já no cartao de credito cobra-se o valor do dolar do dia.

    vcs podem de ajudar?
    com esta Duvida?

    • Renato C 27 de abril de 2012 at 12:52 #

      ATUALIZAÇÃO A TODOS:
      – Depois do BB, o Santander também passou a cobrar o IOF em compras feitas pelo Paypal. Acabei de ver na minha fatura. Acredito que, agora, não haja nenhum cartão ou banco que não cobre o IOF no lançamento em reais do Paypal.

      Olá Matheus Rocha,

      A informação que eu possuo é que o mais vantajoso de tudo é realizar a compra por um cartão de crédito Pré-Pago (o que não é aceito no Paypal, a loja online tem que aceitá-lo). Recomendo o VTM da Confidence e realizar recargas a partir de 800 dólares (solicitando assim, pela quantia maior, um câmbio melhor).

      Caso só seja possível pagar via Paypal, acredito que a solução da conversão em reais oferecida pelo site ainda é a melhor opção, desde que o seu cartão não faça reconversão de real -> dólar -> real (os cartões do Itaú fazem). Cartões do BB e Santander não fazem.

      Falow, Renato C

      • Renato C 28 de abril de 2012 at 19:30 #

        Olá Matheus Rocha,

        Fui aos cálculos e venho aqui fazer uma retificação:

        1) Usar um VTM que utilize o dólar turismo (assim fugindo do IOF) é mais barato do que comprar pelo paypal.
        2) Os cartões do BB possuem uma cotação de dólar menor que os do Santander, para crédito.
        3) Caso você não possua cartão do Itaú, é MAIS BARATO, para cartões BB e Santander em uso no Paypal, lançar as compras na moeda original da compra e não em reais. Isto é válido caso não haja uma subida muito brusca do dólar desde o momento de sua compra até o dia de pagamento da fatura.

        Falow, Renato C

  132. Renato C 28 de abril de 2012 at 19:34 #

    Perdão:
    4) SOBRETUDO para cartões do Itaú, é mais barato lançar as compras na moeda original da compra, e não em reais.

  133. Allan 1 de maio de 2012 at 20:34 #

    comprei um produto no site miniinthebox usei meu cartão de crédito, realizando o pagamento pelo pay pali isso tudo no dia 30/03, agora veio na minha fatura 12 x de 2,17 cobrando IOF, sendo q paguei o produto em uma vez no valor de 34,00 reais. Alguém já viu isso?

    • Renato C 2 de maio de 2012 at 1:29 #

      Olá Allan,

      Por favor, de qual banco é o seu cartão?

      Pelo que tenho lido de relatos, é possível que isto seja cobrança de algum IOF do passado, e não atual.

      Quando você escreveu “12 x de 2,17″, você quis dizer que veio a primeira parcela (de 12) de R$2,17 em sua fatura?

      Sugiro ligar para o seu cartão para verificar o que é este lançamento.

      Falow, Renato C

  134. Iuri 6 de maio de 2012 at 10:03 #

    Puts! Eu até estava animado pra realizar uma compra num site gringo, mas depois de ler a respeito dessas cobranças indevidas, já estou quase desistindo..

  135. Alex 21 de maio de 2012 at 13:27 #

    Realizei um pagamento utilizando o sistema paypal e, na ocasião, utilizei o sistema de conversão de moeda desse sistema.

    Conforme informações do próprio paypal:
    “Transações em várias moedas A taxa de câmbio inclui uma tarifa de 3.5% **
    ** Caso sua transação envolva uma conversão de moeda, ela será concluída a uma taxa de câmbio estrangeiro de varejo, determinada para o PayPal por uma instituição financeira internacional, ajustada duas vezes por dia com base nas condições do mercado. Esta taxa de câmbio inclui uma tarifa de 3.5% acima da taxa de câmbio de atacado na qual o PayPal obtém a moeda estrangeira, e a tarifa é retida pelo PayPal. A taxa de câmbio específica que se aplica à sua transação de várias moedas será exibida no momento da transação.” (fonte: https://www.paypal.com/br/cgi-bin/webscr?cmd=_display-fees-outside)

    Até então, nada a questionar.

    Entretanto, quando da cobrança do valor no cartão de crédito, a operadora do cartão cobrou o valor de 6,38% referente ao IOF (Imposto Sobre Operações de Câmbio), mas a base de cálculo foi o valor convertido para reais, que já incluía o ganho do paypal.

    Vejamos o texto do art 15, XX, do DECRETO Nº 6.306, DE 14 DE DEZEMBRO DE 2007 :

    Art. 15. A alíquota máxima do IOF é de vinte e cinco por cento (Lei nº 8.894, de 1994, art. 5º).
    § 1o A alíquota do IOF fica reduzida para os percentuais abaixo enumerados:(Revogado pelo Decreto nº 7.412, de 2010)
    (…)
    XX – nas operações de câmbio destinadas ao cumprimento de obrigações de administradoras de cartão de crédito ou de bancos comerciais ou múltiplos na qualidade de emissores de cartão de crédito decorrentes de aquisição de bens e serviços do exterior efetuada por seus usuários, observado o disposto no inciso XXI: seis inteiros e trinta e oito centésimos por cento; e (Redação dada pelo Decreto nº 7.454, de 2011)

    Assim, considerando o relato apresentado, indago:

    a) O sistema paypal quem, de fato, realizou o câmbio. Sendo assim, o recolhimento do IOF não caberia a ele? Ainda que seja a operadora de cartão de crédito, a base de cálculo deve ser o valor convertido, que inclui o ganho de 3,5% do paypal?

    A pergunta foi direcionada à operadora de Cartão de crédito, que até agora não respondeu, e também ao PaYPAL, que também, até o momento, não respondeu.

  136. Andréa 24 de maio de 2012 at 21:54 #

    Pessoal, sei que o assunto aqui é Paypal, mas queria saber de vocês o que acham do MooneyBookers? Ele funciona igual Paypal?
    Se alguém puder me ajudar, fico agradecida.

  137. Andreia 24 de maio de 2012 at 21:55 #

    Pessoal, sei que o assunto aqui é Paypal, mas queria saber de vocês o que acham do MooneyBookers? Ele funciona igual Paypal?
    Se alguém puder me ajudar, fico agradecida.
    Vlww

  138. caio 14 de junho de 2012 at 14:23 #

    Façam o neteller é um cartão pre pago gratuito,muitos brasileiros estao usando e o iof é 0.38% porque é usado no debito, e é emitido nos eua http://www.neteller.com

    • Eduardo Veiga 21 de junho de 2012 at 19:48 #

      Caio, se é emitido nos EUA, qual a razão para ter IOF de 0,38%?

      Acabei de fazer um pra mim e o legal é permitido transferir moeda para a conta do Netller por meio de boleto bancário.

  139. Leandro 20 de junho de 2012 at 13:32 #

    Olá, eu fiz uma compra no exterior esse mês no valor de R$1.800,00 e paguei direto com cartão de credito mais meu susto é que teve uma variação cambial de R$770,00 eu achei um absuro e fiz uma reclamação no sac para ver o ocorrido mais como antigamente eu fazia compras por paypal eu gostaria de saber se essa combrança pode ser algo retroativo das minhas compras feitas por paypal mais eu acho que se for isso é indevido pois eu tive iof retroativo e paguei mais variação cambial tem que ser feito no final de cada mês, desde já agradeço, obrigado

  140. Carlos 28 de junho de 2012 at 18:09 #

    Resumindo,

    è melhor usar a conversão do paypall , ou deixar para o cartão fazer o cambio ? Não levando em conta o risco do dolar aumentar/diminuir.

  141. thomas 4 de julho de 2012 at 11:55 #

    A questao principal eh que nesse paisinho hipocrita quem esta no comando sao pessoas sem nenhum vinculo economico….sao pessoas sem nenhuma experiencia comercial sao apenas favores de partidos entao meus amigos paguem e fiquem bem quetinhos.

  142. wilians 9 de julho de 2012 at 14:59 #

    AMIGOS FIZ VARIAS COMPRAS AGORA MES PASSADO DE DISCOS GOSTARIA DE SABER FOI COMPRADOS EM USD EURO E LG LIBRAS NA FATURA VEIO COBRANDO CONVERTIDO EM REAIS MAIS ACRECENTADO ALGUMAS MOEDAS DO VALOR TOTAL E TAMBEM FOI COBRADO IOF DO TOTAL DE FATURA E CERTO OU NÃO

  143. wilians 9 de julho de 2012 at 15:04 #

    FIZ 38 COMPRAS COM RASTREAMENTO USPS.COM ENTRE LC.LJ.LN RECEBO TODAS MERCADORIAS OU NÃO CENDO QUE PAGUEI COM FRETE AO VENDEDOR

  144. Marcio 12 de julho de 2012 at 16:20 #

    Eu compro da Dealextreme e tinydeal com cartão de crédito pré-pago internacional power bônus! cartão de crédito pré-pago não possui IOF ! fiquem ligados e aproveitem galera! para ter um power bônus precisa de indicação, se gostou da minha dica ficarei feliz se realizar cadastro através de mim, sou o lider 929! via powerbonus.ORG ! da dealextreme acesse pelo meu blog http://www.dx.com.vc abraços
    Marcio.

  145. Lili 27 de julho de 2012 at 10:02 #

    Gostaria de tirar algumas dúvidas com vocês sobre compras internacionais on line. Nunca fiz e gostaria de fazer, mas não quero ter surpresas desagradáveis. Eu entendi o seguinte: se eu comprar um produtro num site gringo, pagarei a fatura do cartão de crédito o valor do produto mais frete convertidos em reais. Qual é a taxa considerada? Do dia do fechamento da fatura ou do vencimento da fatura? Além disso pagarei 6,38% de IOF, certo? Se eu for taxada, o valor da taxa é 60% ( imposto simplificado até 500 dólares )sobre o valor da mercadoria mais frete e ainda o ICMS. Como eu moro em Minas e o ICMS aqui é 18% o cálculo ficaria: valor da mercadoria + frete + imposto (60%)= BCICMS + 18% Numa compra de R$100,00 O calculo ficaria 160 + 28,8 (18% ICMS) – Taxada em R$ 188,80. Pessoal, é isso mesmo ou eu viajei? Outra coisa…Comprando pelo Paypal devo pagar alguma taxa além do IOF, ou seja, alguma taxa pelo serviço que eles prestam? Existe mais alguma outra despesa pra pagar ou é só isso tudo…rs. Desculpa a ignorância, se alguém puder me ajudar, agradeço!

    • Renato C 5 de agosto de 2012 at 16:58 #

      Olá Lili,

      1) Sim, se o produto for taxado e você morar em Minas, pagará 60% do valor + ICMS.

      2) O comprador não paga nada para uso do Paypal.

      Falow, Renato C

  146. charles 4 de agosto de 2012 at 23:09 #

    amiga Lili suas respostas estão respondidas só ler todos os comentarios acima…até 500 dolares não é cobrado icms somente os 60%, uma operadora do paypal me disse que eram cobrados 3,4% pelo serviço deles de conversão, só que o que muitos não sabem é que o banco cobra o dolar turismo e o paypal cobra o comercial, no final sai tudo a mesma coisa pq o comercial mais 3,4% sai o mesmo q o turismo, então fica a sua escolha usar ou nao a conversão do paypal, das vezes q eu usei comprando coisa do dealextreme, comprei direto no site pelo meu cartão e via paypal, não sei mas via paypal saiu pouca coisa mais barato…a cotação do dolar é do dia do fechamento da fatura e não do vencimento, concorda comigo q o vencimento fica a uma data posterior a do fechamento, só se o banco tiver uma bola de cristal pra saber a cotação do futuro…rs

  147. Giovanna 7 de agosto de 2012 at 20:47 #

    Gente, eu fiz várias compras no Ebay e paguei pelo Paypal, ai no final de cada pagamento o Paypal me enviava o comprovante por email com o valor X, ai na conta veio cobrando aproximadamente 1 real em cima de cada pagamento qe fiz no Paypal e lá no final veio o IOF. Qntto ao 1 real em cada pagamento, será qe eles estão fazendo isso de reconverter os valores enviados pelo Paypal? Eu devo reclamar? Obg!

  148. Diego 30 de agosto de 2012 at 21:38 #

    Olá, não sei se este é o lugar certo para perguntar, então peço desculpas caso esteja perguntando no lugar errado. Possuo 2 cartões Ourocard Visa do Banco do Brasil, um nacional o outro internacional, sendo que o internacional está bloquado. Estou pensando em desbloquea-lo, mas antes gostaria de saber de alguém que possua este cartão as taxas que poderei ter que pagar por desbloquea-lo, tipo o valor da anuidade e outras taxas que possa ter. Também gostaria de saber se compensa mais pagar pelo paypal compras menores que U$ 40,00 com cartão nacional ou internacional? E no caso de eu pagar com cartão nacional, será que o meu cartão faz a conversão de R$ para U$ depois para R$ novamente como vi em uns comentários acima?

    Ficarei muito grato se alguém poder responder estas perguntas!

  149. Cristina 13 de setembro de 2012 at 18:37 #

    Adorei a matéria, mas há realmente um maneira legal de escapar da taxa 6,38% de IOF cobrados pelos Cartões de Crédito, a solução é muito simples basta utilizar para as compras, um cartão de crédito Pré-Pago Internacional com saldo em Dollar emitido nos USA. Eu recentemente conheci uma empresa aqui no Brasil que fornece esse cartão o site deles é (www.powerbonus.com.br/102), lá você poem créditos no cartão em reais e são convertidos em Dollar. Pronto voce pode fazer suas compras no mundo inteiro sem IOF, a recarga máxima no cartão por mês é U$ 5.000,00 o que dá uma recarga máxima mês de até R$ 10.000,00.

  150. Renato C 14 de setembro de 2012 at 15:36 #

    Olá Cristina,

    Este site que você postou não aparenta, com erros de português e propagandas clichês, muita confiabilidade.

    Ademais, é sábido que não se pode adicionar cartões pré-pagos no paypal… esta solução serve apenas para compra sem o intermédio do paypal.

    Abraços, Renato C

  151. Eduardo Veiga 5 de outubro de 2012 at 13:46 #

    Mocidade, paguei uma compra de US$ 21,39 no Pay Pal com cartão de crédito do Itaú. Escolhi a opção de conversão para Real do Pay Pal, o que perfez um valor de R$ 43,59.

    Pra minha surpresa, o Itaú realizou outra conversão e me cobrou R$ 45,14. Fiz reclamação na central de atendimento e informaram que mesmo que eu escolha a conversão do Pay Pal, o Itaú iria refazer a conversão, por se tratar de compra internacional etc.

    É mole, o Itaú tá de sacanagem.

    Conversando com um amigo, ele me informou que os cartões da CEF também fazem a reconversão, os do BB não. Cobram o valor em R$ do Pay Pal.

    E então, reclamo no Bancen, no Reclame Aqui?

    Abraços

  152. Renato C 5 de outubro de 2012 at 17:19 #

    Olá Eduardo Veiga,

    A opção de menor custo, hoje, é a do uso do cartão de crédito do Banco do Brasil utilizando-se o método de conversão do próprio cartão (e não do paypal).

    Claro que, se até o pagamento da sua fatura, houver um aumento substancial do dólar deixa de ser uma boa opção. Contudo, mantendo-se a cotação até o pagamento da fatura (que pode ser feito 2, 3 dias depois já da compra) é a melhor opção.

    Sobre a sua pergunta, em tese eu iria de BACEN direto, contudo atente-se a 2 fatores:

    1) não sei o quão bem legislado isto está para se provar por A + B que o Itaú está errado.

    2) o Itaú tem a “fama” de mandar cartinhas encerrando contas (desinteresse comercial) para “reclamões” ou pessoas que acham brechas em cima de suas promoções e acabam lucrando em cima do banco. Jogue “desinteresse comercial” no Google e veja.

    Neste sentido amplo, talvez a melhor opção seja simplesmente a de deixar de se utilizar o cartão do Itaú e procurar outra opção.

    Abraços, Renato C

    • Guilherme 6 de outubro de 2012 at 8:22 #

      Olá Eduardo, o Renato C sintetizou de maneira excelente os caminhos a seguir. Também deixaria o Itaú na gaveta e procuraria outras opções…

      É isso aí!
      Um grande abraço, e que Deus os abençoe!

  153. Renata 10 de dezembro de 2012 at 10:56 #

    Olá a todos! Sou totalmente LEIGA nestes assuntos, mas cheguei aqui porque sou estudante de design e pretendo comprar um MacPro através da Aplle.com e uma amiga irá trazer o notebook pra mim em Janeiro/2013, se tudo der certo. A questão é que pretendo comprar o notebook com cartão internacional, gostaria de receber sugestões da melhor forma de comprar. Embora eu tenha lido o artigo e os comentários, fiquei bem confusa. O valor total do notebook em dólares está $2,308.87
    Preciso saber se realmente vale a pena eu fazer esse processo todo, pq senão infelizmente, terei que comprar um notebook inferior aqui no Brasil.
    Obrigada ;)

  154. wolney 16 de abril de 2013 at 17:44 #

    uma alternativa para evitar pagamento de IOF é utilizar cartão de débito de uma cooperativa de crédito. Utilizo um do Sicoob e há duascoisas: a)não incide IOF sobre a movimentação em cooperativas, inclusive câmbio; b) a cotação em geral é mais vantajosa que de bancos comerciais. O ganho portanto é duplo: se você viaja muito e não quer usar dinheiro vivo, vá logo abrir sua conta em uma cooperativa de crédito!
    Abraços

  155. Marcia 1 de junho de 2014 at 16:33 #

    Pessoal, me ajudem!
    Fiz uma compra na Ralph Lauren, usando como forma de pagamento o Paypal, cartão Master Itaú, no fechamento não apareceu o valor em reais, como sempre acontece quando uso o Visa Santander. Achei estranho, mas fechei o pagto mesmo assim. Hoje ao acessar a conta do Itaú, tive a grande surpresa.
    Valor da compra 484 dolares, veio uma cobrança de 1.476,00 + 94,21!!!
    Achei um insulto o valor absurdo de conversão 3,05 mais a cobrança do IOF
    Alguém pode me ajudar?
    Liguei para o Paypal e me informaram que o Itaú pode estar cobrando taxas, é verdade?
    Como eu devo proceder?

    • Guilherme 1 de junho de 2014 at 18:00 #

      Olá Márcia, sim, o Itaú pode estar cobrando taxas adicionais.

      Parece que esse banco faz uma reconversão de reais para dólares, novamente, aplicando também o IOF.

      Outros leitores reclamaram dessa postura do banco.

      Você deve abrir uma reclamação na central de cartões do banco. Se não resolverem seu problema, abra uma reclamação no SAC deles. Se mesmo assim o problema persistir, contacte a ouvidoria Itaú.

      Paralelamente, evite o uso de cartões desse banco para compras no exterior, ou de lojas estrangeiras.

      Abç

      • Marcia 3 de junho de 2014 at 0:43 #

        Guilherme, obrigada pelas dicas!
        Vou contatar o Banco e tentar resolver isso o quanto antes!

        Marcia

  156. Caroline 11 de agosto de 2014 at 17:54 #

    Olá, recentemente fiz uma comprar utilizando o paypal, porem ao olhar a fatura online do cartão, mesmo o valor da compra estando em reais foi cobrado IOF. Gostaria de saber se na opinião de vocês essa taxa realmente deve ser cobrada, ou nao.

    Valor da compra : 89,63
    Valor do IOF cobrado: 5,71 reais
    Cartão de crédito internacional: Saraiva (Banco do Brasil)

    Obrigada.

    • Guilherme 11 de agosto de 2014 at 18:21 #

      Olá Caroline, a partir desse ano de 2014, os bancos, dentre os quais o BB, passaram a somente aceitar transações estrangeiras em dólar, daí o motivo da cobrança do IOF.

      Eu acho que não foram todos os bancos que entraram nesse acordo, mas os principais bancos de varejo – BB, Bradesco, Itaú etc. – entraram nessa regulamentação.

      Abç

  157. Arnaldo 26 de agosto de 2014 at 14:35 #

    Boa tarde. Tive minha conta Paypal invadida no mês passado, 12/07, e foram feitas várias transações em Novo Peso Mexicano e Euros. No mesmo dia fiz as reclamações ao Paypal, e dias depois vieram os reembolsos. Foram no total 12 transações concluídas. O prejuízo só não foi maior porque algumas não foram aceitas pelo valor alto. Bom, ao ver minha fatura, constatei os 12 reembolsos, mas na conversão das moedas para o Real, deu uma diferença de R$382,48 a menos, mais R$436,48 de IOF, levando um prejuízo de R$818,77. Entrei em contato com o Paypal que disse para eu resolver com o banco. Fiquei “brigando” com o banco do dia 04/08 até hoje, que me retornou dizendo que o problema é com o PayPal. Liguei para o Paypal e disseram que o problema é com o banco. Durante umas das ligações de hoje par ao paypal , o banco ligou para minha casa, passando um novo número de protocolo, que meu irmão anotou. Liguei novamente para o banco e para saber do que se tratava, parece que encaminharam minha solicitação para o departamento de taxa, câmbios, não me recordo bem, e me deram um prazo até dia 02/09. Será que consigo reaver esta diferença???? oque faço?

    Arnaldo.

Trackbacks/Pingbacks

  1. Anônimo - 28 de setembro de 2011

    […] […]

  2. Para não pagar IOF use a CONVERSÃO do PayPal - Página 6 - 23 de março de 2013

    […] pessoal, vejam este link, o iof é cobrado no fechamento da fatura do cartão: Comunicado importante vindo do próprio Paypal: economizar IOF utilizando o Paypal não procede « V… […]

Deixe uma resposta

Powered by WordPress. Designed by Woo Themes

30 Flares Twitter 4 Facebook 23 Google+ 3 Filament.io 30 Flares ×